Caseiro é encontrado degolado dentro de fazenda em Novo Progresso

Regimar da Silva Viana, de 24 anos,  foi brutalmente assassinado dentro da fazenda onde trabalhava como caseiro na zona rural de Novo Progresso, no Pará.

Conforme informações, a fazenda está localizada do outro lado do rio Jamanxim. O proprietário é comerciante [preferiu não divulgar o nome] e morador da cidade de Novo Progresso.
Ainda segundo informações, ele pode ter sido assassinado no domingo – o corpo da vítima foi encontrado pelo vizinho na quarta-feira (20), estava em estado de decomposição. Regimar teve o pescoço degolado.

Parentes e amigos relataram à reportagem, de não saber da vida pregressa da vítima, que era homem trabalhador e honesto.

A família está abalada com o assassinato do jovem de 24 anos.
O corpo de Regimar foi sepultado pelos familiares no cemitério municipal. O Boletim de Ocorrência ainda não foi registrado na delegacia de Polícia.

Fonte: RG 15/O Impacto e Folha do Progresso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *