Von: “Atual gestão de Santarém deixa muito a desejar”

Presidente do Diretório Municipal do PSDB em Santarém faz uma avaliação do atual Governo Municipal

Alexandre Von diz que PSDB fará alianças com outros partidos para as próximas eleições

O ex-prefeito e atual presidente do Diretório Municipal do PSDB de Santarém, Alexandre Von, esteve em nossa redação, para falar sobre a eleição do Diretório, sobre os rumos do partido PSDB para as próximas eleições, sobre a atual gestão municipal e outros assuntos.

“Eu gosto da vida partidária e é por isso que mais uma vez coloquei meu nome à disposição do PSDB e acabo de ser novamente conduzido para a presidência da executiva Municipal do PSDB em Santarém. O PSDB renovou seu diretório no dia 30 de Março e dois dias depois renovou a sua executiva Municipal, me conduzindo novamente à presidência, estando o vereador Ney Santana na vice-presidência. O objetivo do partido é exatamente de fortalecer a nossa sigla partidária, fortalecermos o nosso quadro de filiados, inclusive com jovens e com mulheres. O PSDB é um partido e, sobretudo, em Santarém nós temos essa preocupação dá muita atenção e muito valor para as suas diferentes instâncias partidárias, como o PSDB diversidade, a juventude tucana, o PSDB mulher. Nós temos como meta, por exemplo, formar a maior e melhor bancada na próxima legislatura da Câmara e para isso nós estamos fazendo um trabalho detalhado de formiguinha, de diálogo com lideranças, objetivando ter esse melhor time na eleição do ano que vem. Uma das metas da nova executiva do PSDB, não é nem da executiva do seu diretório, é de que nós possamos eleger uma representante mulher tucana para a Câmara de Santarém. Nós temos uma Câmara que tem hoje apenas a professora Maria José como Vereadora e nós entendemos que as mulheres de Santarém precisam e podem estar bem melhor representadas na Câmara. O nosso partido também quer ter a oportunidade de oferecer uma representação ou mais de mulheres na sua nova bancada a ser eleita na próxima eleição de 2020. Para isso, nós estamos em cima do Calendário Eleitoral, na verdade, começa no início de outubro desse ano, ou seja, daqui a seis meses inicia o calendário eleitoral e o nosso partido está organizado e mais fortalecido, para novamente colocar nomes ao julgamento dos eleitores e eleitoras de Santarém, tanto para o quadro majoritário quanto para a Câmara Municipal de Santarém”, informou.

CAMPANHA DE PROMESSAS, MAS SÓ ESTÁ CAUSANDO DECEPÇÃO: Alexandre Von disse que a política é muito dinâmica, fala de seu projeto pessoal, de sua condução à executiva do PSDB de Santarém e não descarta uma pré-candidatura ao Executivo nas próximas eleições: “Tudo indica que o Alexandre quer usar sua experiência de 30 anos de vida pública na política em Santarém e na região, para colocar a serviço do nosso partido, a serviço da montagem de uma frente de partidos de oposição que apresente nomes alternativos para que o eleitor de Santarém faça a sua escolha nas eleições do ano que vem. Nosso partido e muitos outros pensamentos tanto na seara política como na sociedade, de um modo geral, entendem hoje que a gestão à frente da Prefeitura do nosso Município deixa muito a desejar. Fez uma campanha de promessas, as mais fartas possíveis e na hora de entregar a encomenda frustrou, tem decepcionado profundamente a comunidade santarena. Eu poderia falar de educação, poderia falar de saúde e de transporte público, mas eu vou me ater a situação do sistema viário, que é vergonhoso, é lamentável o grau de irresponsabilidade da atual administração com a manutenção do sistema viário urbano, do sistema viário rural em Santarém. Para onde você anda, para onde você se desloca, na área urbana ou na zona rural, você vê a ausência do poder público na manutenção do sistema viário. Problemas tem em todas as áreas, mas eu estou pontuando uma única área para gente não estender aqui, até porque esse julgamento quem vai fazer na próxima eleição não serei eu, quem vai fazer é a população de Santarém, que vai dizer se entende que o que foi prometido foi executado. Nós queremos nessa próxima eleição o nosso partido participar de uma ampla frente de partidos de oposição, que ofereçam uma chapa e esse nome pode vir do PSDB; nós temos nomes como o vereador Ney Santana, temos outros nomes no partido, seguramente os partidos com os quais nós vamos coligar nessa chapa majoritária também têm excelentes nomes e, nós vamos escolher a melhor chapa para representar essa frente de partidos de oposição e colocar à disposição para o julgamento e para o voto dos eleitores de Santarém. Eu serei candidato a Prefeito? Não é esse o meu projeto, eu acho que nesse momento eu contribuo muito mais como presidente do partido na coordenação desse processo político. Meu nome sempre esteve à disposição do PSDB e vai continuar estando”, declarou Alexandre Von.

PSDB VAI SE ALINHAR COM OUTROS PARTIDOS DE OPOSIÇÃO: O presidente do Diretório Municipal do PSDB de Santarém falou sobre as eleições passadas, onde houve uma mudança em todo o Brasil: “Eu acredito se você fizer uma análise do que aconteceu indistintamente nos estados brasileiros, o eleitor escolheu opções novas. É o caso, por exemplo, aqui do Estado vizinho, no Amazonas, que um jornalista natural de Santarém, que nunca tinha participado do processo político-eleitoral, se sagrou vencedor. É o caso de Brasília, o caso de São Paulo, onde o nosso Governador tucano João Dória está fazendo excelente início de mandato, até pela experiência que traz da gestão privada, é um empreendedor de sucesso, e que nunca tinha sido candidato a Governador. Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rondônia e Roraima, todos os exemplos de estados onde os eleitores optaram por caminhos novos. Eu entendo que essa é uma excelente opção e uma excelente oportunidade, sendo que nós vamos tratar com muito carinho essa questão, para definição de nomes paras as candidaturas majoritárias aqui no nosso Município. O PSDB entende que pela sua própria condição e pela sua história política no município de Santarém, é uma sigla importante que não pode ser desprezada, desconsiderada no processo e que se coloca para se alinhar. O PSDB quer estar alinhado com outros partidos de oposição, que comunguem do mesmo entendimento, de que essa gestão não responde às necessidades da população e daí a ideia de formarmos uma frente de partidos de oposição. O PSDB não quer liderar nada, o PSDB quer estar junto com outras siglas que comunguem do mesmo entendimento, tenham responsabilidade com Santarém e entendam que podem, que têm nomes e que têm até o dever de oferecer como opção para os eleitores Santarenos na eleição Municipal de 2020”.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA É NECESSÁRIA: Com relação à aprovação do projeto da Reforma da Previdência, Alexandre Von disse o seguinte: “Com certeza absoluta, não pode passar desse ano. O Governo Federal elaborou a proposta, encaminhou para Câmara, no primeiro momento vai discutir e votar, tem o direito e deve modificar para aperfeiçoar a proposta, em seguida vai ao Senado Federal, mas a maior repercussão dessa votação do que vier acontecer no plano Federal, acontece nos estados e nos municípios. Eu não diria nem só nos municípios, porque se você olhar hoje, tirando exceções como São Paulo onde o Dória recebeu um estado equilibrado, saneado do ponto da gestão fiscal, o Pará que também é um exemplo de saneamento fiscal pelo governo anterior do PSDB, inclusive o governador Simão Jatene que inegavelmente deixou o Estado do ponto de vista da gestão fiscal saneado e equilibrado para o atual governo poder governar melhor, a grande maioria dos estados brasileiros quebrou, os municípios pior ainda porque os municípios têm uma condição de auto-defesa bem menor do que os estados e quanto menor o Município, a capacidade de investimento simplesmente deixa de existir, maneira que dessa forma ela é desagradável, ela produz impactos negativos, ela deixa muitos segmentos insatisfeitos. Mas nós não podemos mais adiar um problema que se transformou em uma herança nefasta de vários governos atrás, é preciso fazer a Reforma para ajustar e equilibrar as contas, não é possível que a Previdência gaste um volume de recurso que não tem o equivalente em termos de receita, em termos de arrecadação, é preciso que isso se equilibre como numa balança para que as gestões públicas no plano Municipal, no plano Estadual e no plano Federal possam dar as respostas que a população necessita”, finalizou Alexandre Von.

“Fez uma campanha de promessas, as mais fartas possíveis e na hora de entregar a encomenda frustrou, tem decepcionado profundamente a comunidade santarena”

O ex-prefeito e atual presidente do Diretório Municipal do PSDB de Santarém, Alexandre Von, esteve em nossa redação, para falar sobre a eleição do Diretório, sobre os rumos do partido PSDB para as próximas eleições, sobre a atual gestão municipal e outros assuntos.

“Eu gosto da vida partidária e é por isso que mais uma vez coloquei meu nome à disposição do PSDB e acabo de ser novamente conduzido para a presidência da executiva Municipal do PSDB em Santarém. O PSDB renovou seu diretório no dia 30 de Março e dois dias depois renovou a sua executiva Municipal, me conduzindo novamente à presidência, estando o vereador Ney Santana na vice-presidência. O objetivo do partido é exatamente de fortalecer a nossa sigla partidária, fortalecermos o nosso quadro de filiados, inclusive com jovens e com mulheres. O PSDB é um partido e, sobretudo, em Santarém nós temos essa preocupação dá muita atenção e muito valor para as suas diferentes instâncias partidárias, como o PSDB diversidade, a juventude tucana, o PSDB mulher. Nós temos como meta, por exemplo, formar a maior e melhor bancada na próxima legislatura da Câmara e para isso nós estamos fazendo um trabalho detalhado de formiguinha, de diálogo com lideranças, objetivando ter esse melhor time na eleição do ano que vem. Uma das metas da nova executiva do PSDB, não é nem da executiva do seu diretório, é de que nós possamos eleger uma representante mulher tucana para a Câmara de Santarém. Nós temos uma Câmara que tem hoje apenas a professora Maria José como Vereadora e nós entendemos que as mulheres de Santarém precisam e podem estar bem melhor representadas na Câmara. O nosso partido também quer ter a oportunidade de oferecer uma representação ou mais de mulheres na sua nova bancada a ser eleita na próxima eleição de 2020. Para isso, nós estamos em cima do Calendário Eleitoral, na verdade, começa no início de outubro desse ano, ou seja, daqui a seis meses inicia o calendário eleitoral e o nosso partido está organizado e mais fortalecido, para novamente colocar nomes ao julgamento dos eleitores e eleitoras de Santarém, tanto para o quadro majoritário quanto para a Câmara Municipal de Santarém”, informou.

CAMPANHA DE PROMESSAS, MAS SÓ ESTÁ CAUSANDO DECEPÇÃO: Alexandre Von disse que a política é muito dinâmica, fala de seu projeto pessoal, de sua condução à executiva do PSDB de Santarém e não descarta uma pré-candidatura ao Executivo nas próximas eleições: “Tudo indica que o Alexandre quer usar sua experiência de 30 anos de vida pública na política em Santarém e na região, para colocar a serviço do nosso partido, a serviço da montagem de uma frente de partidos de oposição que apresente nomes alternativos para que o eleitor de Santarém faça a sua escolha nas eleições do ano que vem. Nosso partido e muitos outros pensamentos tanto na seara política como na sociedade, de um modo geral, entendem hoje que a gestão à frente da Prefeitura do nosso Município deixa muito a desejar. Fez uma campanha de promessas, as mais fartas possíveis e na hora de entregar a encomenda frustrou, tem decepcionado profundamente a comunidade santarena. Eu poderia falar de educação, poderia falar de saúde e de transporte público, mas eu vou me ater a situação do sistema viário, que é vergonhoso, é lamentável o grau de irresponsabilidade da atual administração com a manutenção do sistema viário urbano, do sistema viário rural em Santarém. Para onde você anda, para onde você se desloca, na área urbana ou na zona rural, você vê a ausência do poder público na manutenção do sistema viário. Problemas tem em todas as áreas, mas eu estou pontuando uma única área para gente não estender aqui, até porque esse julgamento quem vai fazer na próxima eleição não serei eu, quem vai fazer é a população de Santarém, que vai dizer se entende que o que foi prometido foi executado. Nós queremos nessa próxima eleição o nosso partido participar de uma ampla frente de partidos de oposição, que ofereçam uma chapa e esse nome pode vir do PSDB; nós temos nomes como o vereador Ney Santana, temos outros nomes no partido, seguramente os partidos com os quais nós vamos coligar nessa chapa majoritária também têm excelentes nomes e, nós vamos escolher a melhor chapa para representar essa frente de partidos de oposição e colocar à disposição para o julgamento e para o voto dos eleitores de Santarém. Eu serei candidato a Prefeito? Não é esse o meu projeto, eu acho que nesse momento eu contribuo muito mais como presidente do partido na coordenação desse processo político. Meu nome sempre esteve à disposição do PSDB e vai continuar estando”, declarou Alexandre Von.

PSDB VAI SE ALINHAR COM OUTROS PARTIDOS DE OPOSIÇÃO: O presidente do Diretório Municipal do PSDB de Santarém falou sobre as eleições passadas, onde houve uma mudança em todo o Brasil: “Eu acredito se você fizer uma análise do que aconteceu indistintamente nos estados brasileiros, o eleitor escolheu opções novas. É o caso, por exemplo, aqui do Estado vizinho, no Amazonas, que um jornalista natural de Santarém, que nunca tinha participado do processo político-eleitoral, se sagrou vencedor. É o caso de Brasília, o caso de São Paulo, onde o nosso Governador tucano João Dória está fazendo excelente início de mandato, até pela experiência que traz da gestão privada, é um empreendedor de sucesso, e que nunca tinha sido candidato a Governador. Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rondônia e Roraima, todos os exemplos de estados onde os eleitores optaram por caminhos novos. Eu entendo que essa é uma excelente opção e uma excelente oportunidade, sendo que nós vamos tratar com muito carinho essa questão, para definição de nomes paras as candidaturas majoritárias aqui no nosso Município. O PSDB entende que pela sua própria condição e pela sua história política no município de Santarém, é uma sigla importante que não pode ser desprezada, desconsiderada no processo e que se coloca para se alinhar. O PSDB quer estar alinhado com outros partidos de oposição, que comunguem do mesmo entendimento, de que essa gestão não responde às necessidades da população e daí a ideia de formarmos uma frente de partidos de oposição. O PSDB não quer liderar nada, o PSDB quer estar junto com outras siglas que comunguem do mesmo entendimento, tenham responsabilidade com Santarém e entendam que podem, que têm nomes e que têm até o dever de oferecer como opção para os eleitores Santarenos na eleição Municipal de 2020”.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA É NECESSÁRIA: Com relação à aprovação do projeto da Reforma da Previdência, Alexandre Von disse o seguinte: “Com certeza absoluta, não pode passar desse ano. O Governo Federal elaborou a proposta, encaminhou para Câmara, no primeiro momento vai discutir e votar, tem o direito e deve modificar para aperfeiçoar a proposta, em seguida vai ao Senado Federal, mas a maior repercussão dessa votação do que vier acontecer no plano Federal, acontece nos estados e nos municípios. Eu não diria nem só nos municípios, porque se você olhar hoje, tirando exceções como São Paulo onde o Dória recebeu um estado equilibrado, saneado do ponto da gestão fiscal, o Pará que também é um exemplo de saneamento fiscal pelo governo anterior do PSDB, inclusive o governador Simão Jatene que inegavelmente deixou o Estado do ponto de vista da gestão fiscal saneado e equilibrado para o atual governo poder governar melhor, a grande maioria dos estados brasileiros quebrou, os municípios pior ainda porque os municípios têm uma condição de auto-defesa bem menor do que os estados e quanto menor o Município, a capacidade de investimento simplesmente deixa de existir, maneira que dessa forma ela é desagradável, ela produz impactos negativos, ela deixa muitos segmentos insatisfeitos. Mas nós não podemos mais adiar um problema que se transformou em uma herança nefasta de vários governos atrás, é preciso fazer a Reforma para ajustar e equilibrar as contas, não é possível que a Previdência gaste um volume de recurso que não tem o equivalente em termos de receita, em termos de arrecadação, é preciso que isso se equilibre como numa balança para que as gestões públicas no plano Municipal, no plano Estadual e no plano Federal possam dar as respostas que a população necessita”, finalizou Alexandre Von.

Por: Edmundo Baía Junior

Fonte: RG 15/O Impacto

3 comentários em “Von: “Atual gestão de Santarém deixa muito a desejar”

  • 12 de abril de 2019 em 19:54
    Permalink

    O cara é tão mala que a resposta dele a uma pergunta é um livro.

    Resposta
  • 12 de abril de 2019 em 13:12
    Permalink

    Esse cidadão tem q lavar a boca com quiboa antes de falar mal de qualquer governo,ele foi sem dúvida o pior prefeito de Santarém, se prestasse tinha sido reeleito.

    Resposta
  • 12 de abril de 2019 em 07:04
    Permalink

    É Zuila, já que eu não tenho oque fazer, deixa eu disputar mais uma eleição, vai ver que o povo já esqueceu que eu só fiz duas obras como prefeito: As pinturas das sarjetas e revitalização do Centro de artesanato Cristo rei.
    Quanto à reforma da Previdência, deixa aprovarem, já sou aposentado pela ALEPA.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *