Escola de Artes Emir Bemerguy oferta vagas em nove cursos; veja como se inscrever

A Escola de Artes Emir Bemerguy inicia no dia 29 de Julho o período de inscrições para preenchimento das vagas em cursos nas áreas de música, dança e artes visuais. O processo seguirá até o dia 1º de agosto de 2019. A inscrição poderá ser feita no horário das 8h às 12h, no prédio da escola, localizada na  Alameda Três, nº 84, bairro Aeroporto Velho.

A coordenadora da Escola, professora Monique Marinho informou que na área da música serão disponibilizados os cursos de Violão, Canto-coral, Musicalização Infantil e Flauta Doce; na área da dança estão abertas inscrições para Danças Urbanas, Balé, Balé Folclórico e Jazz. Além de música e dança há vagas também para Artes Visuais.

Para fazer as inscrições, são necessários os seguintes documentos: Carteira de Identidade, CPF e comprovante de residência. Menores de idade devem estar acompanhados dos pais ou dos responsáveis, pois são os pais ou os responsáveis que vão assinar as fichas de inscrição.

Os cursos da Escola de Artes Emir Bemerguy são grátis e atendem pessoas a partir 5 anos de idade, e são destinados a quem tiver vontade de aprender alguma atividade artística pode procurar a escola e se matricular.

A professora Monique destacou que a grande procura por inscrições nesses momentos se dá em virtude da reestruturação da gestão da Escola de Artes, ampliação do número de vagas e de novos cursos, a abertura do turno da noite, a capacitação dos professores. Tudo isso, sob o acompanhamento pedagógico, introduzido em todos os cursos que a escola oferece.

Além disso, a coordenadora lembrou que embora o acesso aos cursos não estejam linkados à escola formal, mas do ponto de vista da formação integral, também fazem parte da formação dos alunos. Segundo ela, todas as atividades ofertadas pela Escola de Artes muito contribuem com o crescimento e com o conhecimento das crianças e dos jovens. “Por isso, buscamos oferecer um serviço de excelência, pois quem sabe no futuro, o domínio de alguma arte, possa servir até mesmo como profissão”, finalizou.

Fonte: Agência Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *