Coluna Impacto Ed. 1260

OPERAÇÃO PARQUINHO SEGURO

A equipe do jornal O Impacto esteve nas principais praças da cidade para verificar as condições dos parquinhos destinados ao divertimento infantil; o que se constatou, foi o sucateamento dos brinquedos que em alguns casos apresentam perigo iminente à saúde dos pequenos. Em pleno período de férias escolares, se esperava que os responsáveis pelos espaços tivessem o mínimo de atenção, no sentido de dar condições de uma brincadeira saudável e segura à nossas crianças; o fluxo é grande, em todos os períodos do dia, nossos santareninhos não podem ter tamanha desatenção em um momento de formação cidadã.

A Coluna deixa como sugestão, criar a “Operação Parquinho Seguro”, que seria colocada em prática sempre às vésperas das férias escolares, para que se fosse feito um mutirão a fim de trabalhar na manutenção e conservação desses espaços muito importantes para o desenvolvimento de nossas crianças.

MERENDA ESCOLAR

A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e o Instituto de Pesquisa da Amazônia (Ipam) realizaram uma reunião de trabalho na comunidade de Paracãoera de Baixo, na região de Urucurituba, área de várzea do município de Santarém, na última terça-feira, 23, para apresentar aos produtores rurais da Agricultura Familiar, o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). A coordenadora da Divisão de Atendimento ao Educando (DAE), Vanda Maia, informou que no primeiro contato com os agricultores é importante explicar que a produção vai ter destino certo e mercado suficiente para absorver a produção. Segundo ela, uma da queixas dos agricultores é a perda da produção devido à escassez da demanda no mercado e a falta de estrutura para escoar e comercializar os produtos em um preço justo.

O Ipam vai continuar auxiliando os produtores com assistência técnica para a gestão da produção; os agricultores participam com os produtos da Agricultura Familiar; e a Semed com o mercado, absorvendo a produção para a Merenda Escolar. Para resolver o problema do beneficiamento e o escoamento da produção serão construídas unidades piloto de processamento de lavagem, triagem e embalagem dos produtos, que também evitará perdas na produção, que atualmente chegam a 30%.

Além disso, o Ipam vem trabalhando a pequena agroindústria artesanal e agora com o avanço na legislação por meio do Selo Arte, está dialogando com o governo do estado e com os municípios no baixo Amazonas, para simplificar ainda mais a legislação, a fim de possibilitar a implantação de empreendimentos comunitários artesanais avançando na conquista do mercado.

CULTURA E HISTÓRIA SANTARENA

O mês de julho já está terminando e para aproveitar o período de férias que se encerra o Centro Cultural João Fona (CCJF) ampliou o horário para visitação do espaço que abriga um valioso acervo sobre a cultura e história do município. Das 8h às 20h, o Centro estará em funcionamento, até  esta sexta-feira (26). Serão doze horas seguidas, sem intervalo para o almoço, aberto para quem quiser visitar. O Centro é administrado pela Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Cultura, conta com 12 salas e milhares de peças que fazem do Centro um importante espaço sobre a história santarena e em 2019 recebeu em torno de 5.478 visitantes, entre turistas e estrangeiros. A entrada é franca.

ROMARIA DA TERRA E DAS ÁGUAS

Neste fim de semana, 27 e 28 de julho, ocorre a I Romaria da Terra e das Águas, em defesa da Agricultura Familiar Agroecológica. A iniciativa é promovida pelas Pastorais Sociais da Diocese de Santarém, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Santarém, de Mojuí dos Campos e de Belterra, em parceria com várias organizações sociais. No dia 27 a caminhada sairá 8h da comunidade Trevo, município de Belterra, e chega dia 28, às 15h, ao Parque da Cidade, município Santarém, onde haverá a Celebração da Vida e da Criação, às 16h30. O objetivo da Romaria é mobilizar as pessoas em um ato ecumênico com a dimensão humana para a demonstrar todo o valor da vida, o bem viver, o cuidado com aquilo que é comum para todas as pessoas. Reforçar que os saberes ancestrais construídos pela multiplicidade das comunidades étnicas e camponesas, são os únicos capazes de nos garantir todos os sabores e curas.

DEMANDA HABITACIONAL

A Polícia Militar do Pará, por meio do Fundo de Assistência Social (FASPM), está realizando o Cadastro de Demanda Habitacional (CDH) de PMs, uma ferramenta de pesquisa online, de participação voluntária, que integra a primeira fase de estruturação de um programa habitacional voltado exclusivamente para policiais militares, ativos ou inativos e associados ou não ao FASPM.

O objetivo do CDH é criar um banco de dados para identificar a demanda de interessados em participar do programa e apontar qual a modalidade de financiamento de crédito imobiliário que melhor se adeque à realidade dos policiais militares.

CENTRO EXPERIMENTAL FLORESTA ATIVA

33 mil mudas são produzidas no Cefa para distribuição na Resex, Flona e Lago Grande. Nos primeiros sete meses de 2019 a produção de vinte e oito espécies atingiu o recorde anual no Centro Experimental Floresta Ativa em Santarém.

Reflorestar promovendo o desenvolvimento sustentável das comunidades e a geração de renda para populações tradicionais é a missão do Programa Floresta Ativa. Em balanço das atividades do semestre no viveiro, foram contabilizadas 33 mil mudas produzidas no Centro Experimental que serão entregues no início de 2020: “a nossa previsão de distribuição será na segunda quinzena do mês de janeiro até a primeira quinzena do mês de fevereiro que é exatamente o período das chuvas na região” – explicou o responsável pelo viveiro e engenheiro florestal Steve Mcqueen.

As mudas de espécies florestais e frutíferas totalizam vinte e oito espécies como andiroba, urucum, jenipapo, graviola, cumaru, itaúba, cupuaçu, angelim, ipê amarelo, mogno, bacaba, açaí, pupunha, patauá e pau rosa. Além das comunidades da Resex, a distribuição está sendo ampliada para as comunidades do PAE Lago Grande e Floresta Nacional do Tapajós. Ao todo, 163 pessoas estão cadastradas para receber as mudas.

OPERAÇÃO PERFUGA

Duas sentenças da 2ª Vara Criminal de Santarém proferidas na quarta-feira (17) condenaram mais dois acusados envolvidos em desvio de recursos públicos na Câmara Municipal. As condenações são decorrentes dos desdobramentos da “Operação Perfuga” , coordenada pela Promotoria de Justiça de Santarém e que já denunciou mais de 50 réus em várias ações penais oferecidas à Justiça desde o seu início em 7 de agosto de 2017. No primeiro caso o denunciado Celson Duarte Reis era servidor da Câmara de Vereadores de Santarém e recebia remuneração sem trabalhar. A ação penal do Ministério Público do Estado foi decorrente das atividades da “Operação Perfuga” e contou com colaborações premiadas que informaram o cometimento de vários delitos, inclusive da contratação de Celson como “funcionário fantasma”. A outra condenação refere-se ao pagamento irregular de diárias à servidora Maria da Saúde Figueira Gomes. A denúncia teve por base o Procedimento Investigatório Criminal (PIC) instaurado pelo Ministério Público, que concluiu que a servidora se apropriou de dinheiro público indevidamente por meio de diárias.

“ Quanto mais aumenta nosso conhecimento, mais evidente fica nossa ignorância’’

– John F. Kennedy-

IMPACTANDO

Neste domingo, 28, ocorre a Missa que abre a 12ª edição da visita da imagem peregrina de Nossa Senhora da Conceição e de apresentação do Cartaz Oficial do Círio 2019, na Praça da Matriz, às 19h. Até o dia 15 de novembro 3.500 locais devem receber a visita das imagens da padroeira da Diocese de Santarém.

Nesta sexta (26), às 18h30, o Sesc em Santarém apresenta o espetáculo “A farsa do boi ou o desejo de Catirina”, do Grupo Teatral Kauré. Classificação livre e entrada franca.

Este ano haverá mais uma edição do Círio Social. Durante as peregrinações, os fiéis podem doar alimentos não perecíveis, material escolar, material de limpeza e frangos congelados, que serão levados para várias entidades da cidade de Santarém.

O Círio 101 de Nossa Senhora da Conceição acontece no dia 24 de novembro de 2019 com o tema “Maria, Nossa Mãe”. As festividades deste ano celebram o Centenário do Círio e os 200 anos de Dedicação da Catedral à Nossa Senhora da Conceição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *