Polícia desbarata quadrilha de assaltantes; suspeito reage a prisão e morre em intervenção

Marlisson da Silva Pantoja morreu na tarde desta quinta-feira, dia 5, após trocar tiros com uma guarnição do 35º Batalhão de Polícia Militar (BPM), no bairro Jutaí. De acordo com a PM, ele fazia parte de um grupo criminosos que vinha realizando inúmeros roubos em Santarém. Marlisson foi socorrido, levado ao Pronto Socorro Municipal (PSM), mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda de acordo com a Polícia, uma operação para encontrar o grupo de assaltantes estava diligência, quando no momento da abordagem policial, Marlisson teria disparado contra os homens da lei, que em defesa da própria, revidaram as injusta agressão, conseguindo balear o suspeito.

Outros quatro homens e duas mulheres fazem parte do grupo de assaltantes e foram presos logo após a troca de tiros. Na residência que os suspeitos estavam foram encontradas uma arma e drogas.

O grupo foi levado para a 16ª Seccional de Polícia para os devidos procedimentos. Segundo a capitã da PM Izabel Monteiro, que está a frente da ocorrência, mais pessoas podem estar envolvidas com o grupo, até mesmo foragidos do Centro de Recuperação Agrícola Silvio Hall de Moura.

RG 15/O Impacto

2 comentários em “Polícia desbarata quadrilha de assaltantes; suspeito reage a prisão e morre em intervenção

  • 6 de setembro de 2019 em 08:30
    Permalink

    Excelente trabalho da Polícia Militar, estão de PARABÉNS por retirarem do meio da sociedade elementos que aterrorizam a população. Bandido bom é bandido morto! Sirva de exemplo para os que vivem a margem da Lei, o destino é o cemitério, essa alma sebosa vai atentar o capeta no quinto dos infernos!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *