Nélio Aguiar afirma que Governo tem que avançar com urgência na regularização fundiária

Foi realizada na segunda-feira, dia 9, em Altamira, uma audiência pública para falar sobre a regularização fundiária em todo o Estado do Pará. Em seu momento de fala, Nélio Aguiar, prefeito de Santarém e presidente da Federação das Associações de Municípios do Estado do Pará (FAMEP), não apenas se mostrou a favor da regularização, como também é preciso que a União tenha uma estratégia para avançar na temática.

“Nós externamos apoio total a essa bandeira de luta dos produtores rurais do estado no Pará e é importante que o Governo Federal possa avançar com a regularização fundiária . É preciso que o Governo Federal também avance, pois isso tem sido um grande entrave no desenvolvimento dos municípios que são penalizados, já que sem a propriedade definitiva da terra, o setor produtivo fica impedido de obter o licenciamento de algumas atividades e isso dificulta ainda o acesso ao crédito para o financiamento das safras”, afirmou Nélio Aguiar.

Para o prefeito da Famep, o Governo do Pará tem trabalhado na resolução deste problema, fazendo entrega de título de propriedade por meio do Instituto de Terras do Pará (Iterpa), o que segundo ele, vem aumento da produtividade dos associados da Famep.

De acordo com a Famep, inúmeras cidades paraense estão tendo prejuízos sem a entrega dos títulos das terras. Para a entidade, tal passo ajudaria não apenas em questões envolvendo agricultura familiar e de maior escala, como principalmente nos intermináveis conflitos agrários.

RG 15/O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *