AGORA É A VEZ DOS BOMBEIROS

No dia 21 de setembro de 2017 escrevi e publiquei aqui no IMPACTO um texto intitulado:AGORA É A VEZ DOS BOMBEIROS, quando da instalação do 35º Batalhão da Polícia Militar, em Santarém, por uma iniciativa, até rara, na época, quando todos os vereadores, foram ter com as autoridades na capital do estado e o governador, inclusive, pedindo para instalar mais um batalhão da PM aqui em Santarém.

 Eu me reportei à época, que deveriam fazer o mesmo esforço unificado para que o nosso Batalhão de Bombeiros Militares, que lutam com a falta de efetivo e de equipamentosmas tem sempre se apresentado efetivamente e eficientemente, quando solicitado, recebesse a mesma atenção. Razão por que hoje, (17.09.2019) quando se controla o incêndio na APA ALTER DO CHÃO, mais uma vez se comprovou da eficiência dos nossos “Soldados do Fogo”. Creio que passados dois anos o texto é atual e por isso reproduzo uma boa parte, adaptando, ao momento, daquele escrito em 2017(………..)

Semana que passou foi instalada oficialmente o 35º Batalhão da Polícia Militar, o segundo em Santarém, que irá aumentar a segurança, principalmente, na zona Rural, pela parte da Rodovia Santarém Curuá Una, e BR 163, além de parte dos municípios de Mojuí dos Campos e Belterra.

Isso se deu, em parte, por iniciativa dos movimentos comunitários da região de Maicá, e o Conselho de Segurança da Grande Maicá que se aliaram aos demais movimentos e associações de bairros, com apoio, decisivo dos representantes do povo santareno. Um trabalho conjunto, raro por sinal na política atual, dos vereadores da Câmara Municipal de Santarém.

Com esse aumento constante da violência, o governo se não pode “educar as crianças, para não ter que punir os cidadãos”. Só lhe resta construir presídios e aumentaras tropas na rua, para dar ao povo a “sensação” de  segurança.

Se, os vereadores, tiveram o cuidado de abraçar essa gloriosa e valiosa iniciativa de lutar por um Batalhão da Polícia Militar do Estado do Pará, em Santarém, lamentavelmente não se ouviu até agora, um esforço para se ampliar, suprir de equipamentos modernos e adequados, o Corpo de Bombeiros, em Santarém.Esta é uma cidade que cresce, na horizontal e principalmente, na vertical. São prédios para todos os lados. Será que os nossos valorosos “soldados do fogo”, já não estão merecendo a mesma preocupação por parte das nossas lideranças.?…Não queremos profetizar.., mas um incêndio em prédios de dez andares ou mais, que ocorre em Nova York pode ocorrer aqui em Santarém, só que lá os equipamentos são quase todos modernos, eficientes, e os daqui?

Os nossos incêndios de verão tem aumentado em muito, ocasionando a utilização de esforço, quase sobre humano dos bombeiros para combatê-los. Além de naufrágios, afogamentos, vigilância de praias, principalmente agora, após as férias, no verão e Sairé, Além de árvores caídas, na época as enchentes nas regiões ribeirinhas, as abelhas, as pessoas que caem em poço, animais, também, desmoronamentos e outras inúmeras atividades, como, inspeção e vistorias em prédios de comércio e indústria, hospitais, creches, escolas e prédios públicos….e para um Batalhão, que já se ressente de um contingente maior, mas me parece que  ainda permanece, o mesmo de cinco anos atrás e a cidade já cresceu e cresce diariamente, Ainda tem sob sua responsabilidade mais os municípios de Mujuí dos Campos e Belterra e os distritos como Alter do Chão, Boa Esperança, até mesmo Arapixuna ,Curuaí e inúmeras comunidades ribeirinhas que os bombeiros atendem.

Então será necessário se levantar a bandeira, a favor dos bombeiros, doravante, e lutar por uma ampliação, adequação e novos equipamentos mais modernos e promover o nosso Destacamento dos Bombeiros, para um Quartel maior, com um número maior de recursos humanos. E assim, novos e modernos equipamentos.

Se não podemos dormir em paz por causa da bandidagem, poderemos ter um sono mais tranquilo, por saber que os bombeiros estão sempre atentos para o bem do cidadão, porque para eles tem; “vidas e riquezas a salvar”;(……)

Então senhores vereadores, da atual legislatura, após alguns anos de abandono por parte dos governadores do estado com relação a Santarém, neste momento em que não temos nenhum deputado estadual e federal, mas temos um governador que está demonstrando olhar com bons olhos e futuros objetivos políticos em Santarém, Então é a oportunidade de se pedir o que há muito se fala e não se conclui,o Batalhão dos Bombeiros em Alter do Chão. Antes que a fumaça de apague está viva toda a dificuldade passada pela brigada voluntária de Alter do Chão, os Bombeiros militares. Militares do Exército Brasileiro e demais militares que vieram para apoiar os bravos bombeiros do batalhão em Santarém que lutaram contra o Incêndio na APA ALTER DO CHÃO….e a dúvida…, será que todos os incêndios nas APA’s são acidentais?…..Pois tem gente desviando a atenção das autoridades. Disseram, através dos meios de comunicação que iam bloquear a rodovia Fernando Guilhon e Everaldo Martins, antes da abertura do Çairé e aí vem o incêndio, também antes da abertura do Çairé e antes do  movimento dos mototaxistas que pediram o apoio dos moradores dos bairros das invasões e conjuntos localizados na área, Atenção autoridades!!Tem sentido!!!!!!////MARIZELLI DIAS era como se chamava a bombeira militar do Distrito federal que morreu 16.09.2019, quando lutava contra as queimadas no DF, foi atingida por uma árvore que caiu e em seguida foi eletrocutada, Nossa homenagem a Heroína das Queimadas.//// setembro já estaá se aabando.logo, novembro erá amanhã! Eo nosso Círio 1029, ão teremos Bispos?????? D. Francisco não quer “papo com a Diocese de Santarém,”???????ou será após o Sinodo dos Bispos da Amazônia, mas realizado no Vaticano, em outuro???////Imperdível!, nesta sexta feira, a SEXTA DA SAUDADE no FLUMINENSE, com o toque musical de MILTON, BANDA E CONVIDADOS, a partir das 23 horas.!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *