Jogador de futebol é brutalmente assassinado em Itaituba

As imagens gravadas por uma testemunha no local onde começou a agressão, mostram que o crime foi cometido de forma brutal. A residência é humilde, mas o que estava no interior ficou todo revirado. Pelas paredes e até nos móveis, as marcas de sangue são resultado da violenta luta corporal envolvendo quatro pessoas, uma delas seria assassinada com um corte profundo no pescoço e vários golpes de facão. Francisco Rosinaldo Alvoredo Alves, jogador de futebol mais conhecido por “Mucura”, foi a vítima fatal.

Segundo foi levantado pela polícia, o jogador mantinha uma relação com uma moradora de uma invasão entre os bairros Wirland Freire e Maria Madalena, no Jardim Aeroporto. Essa mulher teria envolvido o nome do jogador em uma discussão que teve com a mãe e com a irmã. O assunto chegou até um irmão e dois cunhados, que estavam em uma bebedeira, e acabaram cometendo o crime. Segundo o delegado Rafael Oliveira, durante as investigações, a polícia descobriu que não havia culpa por parte do jogador. Mucura teria tido o seu nome envolvido em uma questão de conflito familiar sem ter conhecimento do fato. Já na noite de domingo, ele estava na casa onde foi surpreendido por três pessoas armadas de faca, e agredido brutalmente.

Mucura era natural do município de Aveiro, mas morava em Itaituba há mais de vinte anos. Ele era de uma família de desportistas. Mucura também atuou em grandes times da região, como o 13 de Maio, Auto Esporte, Itaituba e outras equipes da primeira linha do futebol itaitubense. A notícia da morte do jogador apanhou muita gente de surpresa, principalmente por não haver nenhum episódio anterior que pudesse motivar uma morte tão violenta.

Fonte: Portal Mauro Torres

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *