Homem para ao ver acidente e é feito de refém por bandido em Itaituba

Na tarde de quinta-feira (26) um homem, identificado como Civaldo Araújo, que atua como empresário em Itaituba, foi feito de refém por outro homem, ainda não identificado, que estava armado com um revólver calibre 38. Conforme informou a vítima, o bandido realizou a abordagem durante fuga após ter roubado uma motocicleta modelo Bros e provocado um acidente na rodovia transamazônica.

Segundo informações, por volta das 17h, o bandido teria roubado a moto Bros, de cor branca, na Vigésima Segunda rua, quando o proprietário, identificado como Jakson, estava na própria residência. Posteriormente, o assaltante iniciou a fuga e a vítima do roubo começou a persegui-lo em uma moto Pop 110, de cor vermelha.

Durante a fuga, o assaltante seguiu para a 34ª rua, bairro Santo Antônio, e, no momento em que iria entrar na Rodovia Transamazônica, acabou provocando uma colisão com outro motoqueiro, que estava em uma moto Bros, na rotatória da via, próximo a um Posto de Gasolina.

“O cara ia fugindo em alta velocidade, mas quando chegou na 34ª rua um outro motoqueiro ia fazer o giro na rotatória do lado esquerdo, aí o cara não prestou atenção e foi tentar cortar ele pelo lado errado e os dois se chocaram”, disse um informante.

Neste instante Civaldo estava circulando em um carro, modelo Etios, de cor prata, na rodovia, vindo do centro da cidade com destino ao Loteamento Buriti, e, devido o acidente, decidiu parar para ver o que estava acontecendo, mas acabou sendo abordado pelo assaltante que o obrigou a levá-lo até o Km 06, próximo à Escolinha de Futebol Urso Branco.

“Eu nem cheguei a parar o carro, ia encostando devagarzinho, aí quando me espantei ele estava com a arma batendo no meu vidro já, aí eu peguei e levei ele. Eu deixei ele lá no Urso Branco, de lá ele seguiu sentido a uma chácara”, relatou Civaldo.

De acordo com o que Civaldo informou, existe a suspeita de que o bandido seria um dos presidiários que recebeu o benefício de saída temporária de Natal. “os policiais mostraram as fotos dos caras que saíram do presídio para o natal, parece que é um de Altamira. O sequestrador é moreno, nem magro, nem gordo, cabelo pintado, sobrancelha arrumada, ele estava fedendo só a maconha”, finalizou.

Fonte: Portal Giro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *