Bocão Ed. 1295

TRIBUTOS

O contribuinte que estiver devendo para a Receita Federal e Procuradoria da Fazenda deve procurar os órgãos para reparcelar dilatando o prazo, reduzir juros já prevendo a falta de cumprimento das parcelas. Como o país está em calamidade pública, os órgãos devem receber o procedimento espontâneo do contribuinte e se as autoridades não decidirem o contribuinte deve encaminhar à autoridade superior para decidir, já que o estado de força maior não é de responsabilidade do contribuinte.

TRIBUTOS 2
Quem já tiver parcelamento e não tiver condições de pagar, deve agir também, apresentando por escrito sua justificativa. Caso a administração não aceite, o contribuinte deve procurar a justiça, que vai acatar o procedimento do contribuinte. O contribuinte precisa demonstrar a dificuldade durante o estado de calamidade pública.

DÍVIDA COM BANCO
Quem possuir empréstimo com bancos deve informar que não possuem condições de pagar as parcelas e o banco vai ter que aceitar e não pode também encaminhar ao cartório. O Cartório deve suspender o registro e a cobrança. Esse é o momento para quem deve para banco usar o estado de calamidade pública.

 

MP 927
Essa medida provisória, em uma leitura dinâmica, beneficia o empresário, porém, na justiça alguns pontos vão ser derrubados, visto que não estão vinculados à CLT e é um acordo que causa prejuízos a uma das partes ou ambas as partes, não prevalece diante da CLT e das decisões que existem nos Tribunais. Alerto os empresários para essa medida que vai ser derrubada no congresso.

 

MANDATO DO PREFEITO
O Congresso Nacional está analisando a possibilidade de prorrogar o mandato de Prefeito e vereadores até o ano que vem. Já que haverá pouco tempo para organizar a eleição, uma vez que a crise do Coronavírus inviabiliza a campanha eleitoral.

 

RASTEIRA NO VON

Os vereadores Jandeilson e Chiquinho deram uma rasteira em Alexandre Von e no PSDB, já que desprezaram o diretório e seus vereadores e Nélio demonstrou sua força política com a saída dos dois.

RASTEIRA NO VON 2
Os vereadores após analisarem o quadro dentro do PSDB, constataram que o partido como está, sem comando, não vai eleger nenhum vereador e como estão realizando um bom trabalho preferem manter e para isso aceitaram o convite do prefeito Nélio e vão se filiar no DEM.

VACINA
As enfermeiras que estavam no dia 23.03 no posto de saúde do Maracanã, estavam impedindo os idosos de serem vacinados por não possuir a carteira do SUS. A falta de interesse prevaleceu, já que lá estavam emitindo a caderneta de saúde e mesmo assim, se recusaram a atender, encaminhando os idosos para a enfermeira-chefe, que com boa vontade e educação autorizou a aplicação da vacina.

VACINA 2
Por falta de uma carteira o idoso ficaria sem tomar a vacina e exposto a contrair doença e com possibilidade de morrer por falta de bom senso. O Prefeito Nélio e a Secretária Dayane não compactuam com esse procedimento.

VACINA 3
Enquanto o prefeito Nélio e a Secretária Dayane se dedicam em atender a população com informação e vacina, ainda tem gente querendo prejudicar o trabalho do Prefeito e da Secretária.

TAPETE
A coluna recebeu informação que Jatene não quer papo com o deputado Júnior Ferrari. Segundo o informante, quando Jatene estava no poder, Junior pisava no mesmo tapete de Jatene, Helder ganhou, Junior passou a pisar e limpar o tapete do Helder. O sapo não está gostando.

 

ESFORÇO DO HELDER
Podem falar de tudo sobre o Helder, menos que ele não está se esforçando em implementar ações de contenção ao Covid-19. Fico pensando, se ainda fosse o Jatene o governador, no mínimo estávamos largados à própria sorte, com ele em uma pescaria qualquer ou tocando violão.

ESFORÇO DO HELDER 2
Quem sabe se ele já não estaria em férias. O mesmo vale para o âmbito municipal, não desmerecendo o Von, mas com sua falta de articulação com o governador do seu partido, certamente nossa população estaria a mercê. Hélder age preocupado com seu povo, está na linha de frente, dando a cara a tapa, encaminhando e descentralizando as ações nos quatro cantos do estado, em especial na nossa pérola do Tapajós, como por exemplo, ao anunciar a instalação de hospital de campanha com capacidade para atender 120 pacientes.

18 comentários em “Bocão Ed. 1295

  • 27 de março de 2020 em 13:07
    Permalink

    Pelo amor de todos os deuses, mais um ano sob gestão do Nélio nãaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaao.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 13:05
    Permalink

    Alexandre Von queria porquê queria ser prefeito mas nada fez quando foi. Agora ainda tá levando toco mesmo longe de tudo. Faz nada não importa o lugar em que esteja.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 13:03
    Permalink

    Essas enfermeiras ahahhahahaha… Como que pode isso, bicho? O idoso sai de casa já correndo o risco, chega pra se vacinar e não é atendido só porquê não tem essa porcaria de carteira do sus. Eu ACHO que é muita má vontade de trabalhar.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 13:00
    Permalink

    Não sou muito fã do sobrenome Barbalho, mas o Héldel está surpreendendo mais e mais. Estou gostando de ver, porém, sempre receoso porquê, né, filho de peixe, peixinho costuma ser. Só não gosto muito desse pedestal em que o estão colocando, como se ele fosse o salvador dos paraenses, até ouvi alguém falando “Presidente Hélder”.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 12:05
    Permalink

    Agora todo político vai querer ser amigo do Heuder. O cara tá fazendo o nome.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 11:11
    Permalink

    Graças a Deus o Heuder está fazendo a obrigação dele.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 11:06
    Permalink

    O Jatene já estaria em quarentena há meses. Estaríamos lascados.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 11:03
    Permalink

    O Nélio tava com a reeleição na mão e aí resolveu tretar com profissionais de saúde em pleno caos.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 09:35
    Permalink

    Sapo pode virar príncipe mais de uma vez.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 09:30
    Permalink

    Quero saber se o Helder vai pagar meus boletos, isso sim. Concordo com o artigo do Osvaldo Bezerra, publicado hoje mesmo aqui no jornal, temos que rever e ajustarmos os confinamentos, deixar em casa quem realmente é suscetível ao vírus.

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 09:00
    Permalink

    Realmente Sr bocão tem enfermeira que nao era nem pra tá viva, q as bichas são ignorantes no mundo
    Mas pelo menos a tal da secretária de Saúde está mostrando serviço.
    Parabéns a secretária. Acordou pra fazer alguma coisa

    Resposta
    • 27 de março de 2020 em 09:13
      Permalink

      faltou bom senso dessas enfermeiras
      se os velhinhos tão saindo de casa pra tomar vacina, com o risco todo, ainda teriam que voltar?

      Por favor né?

      Resposta
  • 27 de março de 2020 em 08:49
    Permalink

    É só avisar o Nélio, com relação a essas a essas enfermeiras lá do Maraca. Rapidinho elas vão se ajeitar. hahahaha!

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 08:45
    Permalink

    Mais um ano com o o Nélio.. Nãoooooooooooooooooooooooooooooooooooo!

    Resposta
    • 27 de março de 2020 em 09:02
      Permalink

      PIOR O TAL DO MÉDICO QUE QUERIA GOVERNAR O MUNICÍPIO
      NÃO DEU CONTA NEM DE ORGANIZAR O HOSPITAL

      CRUZ CREDO

      Resposta
  • 27 de março de 2020 em 08:41
    Permalink

    Diante da pandemia do coronavírus, será que o bancos vão cobrar juros por atraso nesse momento da quarentena nacional? Digo isso por que uma das propostas do Governo Federal é de reduzir a jornada de trabalho com a redução de salário. Desse jeito inviabiliza pro trabalhador pagar sua fatura em tempo hábil.
    Complicado!

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 08:33
    Permalink

    POOOOODRE ESSE TAL DE JÚNIOR FERRARI
    AQUI PRA SANTARÉM SÓ OLHA QDO QUER VOTO

    Resposta
  • 27 de março de 2020 em 08:32
    Permalink

    Realmente essa situação é complicada, o Helder está fazendo um bem pra nao se propagar o vírus e por outra lado tem a economia do País. Mas o que se tem que levar em consideração que o comércio está abrindo sim, só q com horário reduzido. O empresários nao estão deixando de ganhar e o mais importante que devemos lembrar q a “gripezinha” se chegar forte nao teremos leito pra esse povo todo

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *