TOQUE DE RECOLHER EM SANTARÉM

O prefeito de Santarém Nélio Aguiar reeditou com atualizações e acréscimo, na terça-feira (07), o Decreto Municipal 126/2020 com novas medidas temporárias e de caráter excepcional para enfrentar a pandemia do novo Coronavírus. Entre as medidas, que são mais rígidas, destaque para a recomendação para a utilização de máscaras, com obrigatoriedade, em feiras livres e mercados municipais, além do toque de recolher, no período de 09 a 19 deste mês.
O decreto determina ainda que todo estabelecimento comercial é obrigado a fornecer aos seus colaboradores Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) e oferecer aos seus usuários alternativas de higienização (água e sabão e/ou álcool em gel). Em se tratando de local de atendimento ao público, o proprietário fica obrigado a realizar a marcação para filas, com distância mínima de 1 metro para pessoas com máscara e 1,5 metro para pessoas sem máscara, inclusive na sua área externa.
Excepcionalmente e pelo período de 15 dias, fica proibida a realização de cultos, missas e outros eventos religiosos presenciais.
TOQUE DE RECOLHER
De acordo com a Prefeitura de Santarém, fica determinado toque de recolher pelo período de 09 a 19 deste mês, das 21h às 05h, para confinamento domiciliar obrigatório em todo o território municipal. Está terminantemente proibida a circulação de pessoas, exceto a circulação quando necessária para acesso aos serviços essenciais e sua prestação, comprovando-se a necessidade ou urgência.
A locomoção no horário em que vigorar o toque de recolher, quando extremamente necessária, deve ser realizada de maneira individual, sem acompanhante.
A circulação será permitida apenas para prestadores de serviços na área de saúde, segurança, assistência social, delivery de alimentos, trabalhadores que estejam em turno de serviço e funcionários de empresas privadas que estejam trabalhando no período noturno, desde que comprovada a necessidade, urgência no deslocamento, com identificação funcional.
Em razão do toque de recolher fica proibida a circulação e permanência de pessoas nos parques, praças públicas municipais, orlas, ruas e demais logradouros, com o objetivo de evitar aglomerações.
Poderá ocorrer apreensão de veículos e condução forçada de pessoas pelas autoridades competentes por conta de descumprimento desta parte.
MÁSCARAS
A partir de quinta-feira (09) está obrigatório o uso de máscaras de proteção nas feiras livres e mercados municipais, para feirantes e consumidores.
Fica recomendado, também, o uso massivo de máscaras de proteção, confeccionadas em tecido ou material similar, em conformidade com a orientação do Ministério da Saúde, em especial, quando houver necessidade de interrupção provisória do isolamento social, para evitar a transmissão comunitária da Covid-19. (Com informações da Agência Santarém)

2 comentários em “TOQUE DE RECOLHER EM SANTARÉM

  • 11 de abril de 2020 em 10:23
    Permalink

    Esse é o maior absurdo já visto na história recente de Santarém.
    O Prefeito para atender capricho do Governador do estado toma essa medida causuística arbitrária e ante democrática. Quer dizer que durante toda pode ficar andando e a noite não pode? E mais ridículo a polícia militar e civil com um monte de carro desfilando na ria para intimidar a população. Prefeito compra a sua obrigação o que não tem acontecido em outras áreas. Cidade cheia de buraco, pra não falar em outras coisas tantas.

    Resposta
  • 9 de abril de 2020 em 00:08
    Permalink

    Mui curioso, nos presídios não há doentes e ninguém usa máscara de proteção !

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *