Vídeo – Em meio à crise da covid-19, Ibama executa mega operação e expulsa agricultores no PA

Agricultores e pecuarista da região da Cachoeira Seca, no município de Uruará, denunciam que fiscais do Ibama estariam agindo de forma arbitrária.

Segundo eles, uma mega operação está sendo executada desde a última quinta-feira, 16 de abril. Com suporte de ao mesmo dois helicópteros os servidores do órgão federal atearam fogo em máquinas e equipamentos, e deram prazos de 7 dias para que os moradores deixem o local.

A ação acontece após a demissão do diretor de Proteção Ambiental do órgão, Olivaldi Borges Azevedo, oficializada na segunda-feira, 13 de abril.

A exoneração ocorreu em meio a possíveis excessos, em contexto
de momento delicado na área de saúde e da economia.

Ainda em relação a operação, muitos questionam a falta de utilização de EPI’s pelos servidores do Ibama, possibilitando uma possível contaminação aos moradores.

Estradas intrafegáveis, com trechos submersos trazem dificuldades para moradores deixarem o local.

Outra questão é a necessidade de saída dos moradores, em época de chuvas intensas e estradas intrafegáveis, e muitas famílias não terão condição de cumprir a determinação.

“Disseram que ao voltarem em sete dias, vão atear fogo nas residencias. E como ficarão as famílias que não conseguirem sair, pois as estradas estão ruins, inclusive, tem locais submersos nas águas”, expôs um familiar de moradores do local.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *