ARTIGO – E DAÍ, QUANTO VALE A VIDA HUMANA?

Em meio à pandemia do novo coronavírus, enquanto alguns gestores incentivam o isolamento social domiciliar e adotam medidas mais graves, como o ‘Lockdown,’ para combater o aumento geométrico da infecção por Covid-19 com 6750 mortes registradas no Brasil até ontem sábado (02), outros, irresponsavelmente, contrariando recomendações de órgãos mundiais de saúde, pregam o afrouxamento social, incentivam a população ir às ruas, colocando-a em risco iminente de contaminação e consequentemente de morte.

O atual ministro da Saúde, que parece arrependido de ter assumido tão grande responsabilidade, encontra-se entre a cruz e a espada, ou seja, entre a ciência que domina com maestria e a irresponsabilidade de um mentecapto apedeuta. Até agora não disse o que veio fazer.

A curva do coronavírus está em franca ascendência no Pará. O sistema de saúde em Belém está em colapso. Em Manaus, bem aqui do lado, a situação está muito pior.

As informações diárias, provenientes dos órgãos de saúde a respeito de novos casos e de mortes decorrentes do Covid-19, são subestimadas, estão aquém da realidade.

Quanto a nós, não temos para onde correr, temos que ficar em casa e rezar para que esse tsunami passe ao largo, não avance ferozmente sobre os santarenos, pois a rede municipal de saúde que deveria nos proteger é muito frágil, e o hospital de campanha do estado não é só nosso.

A medida que a pandemia se alastra mundo afora, flertando bem próximo com Santarém e todo o oeste do Pará, o jogo do bicho no Brasil corre solto. Ontem (02) o milhar sorteado foi 6750. Por enquanto tem dado coelho e cachorro, mas ruim será se for sorteado o Vampirus em plena luz do sol!

RG 15 / O Impacto

3 comentários em “ARTIGO – E DAÍ, QUANTO VALE A VIDA HUMANA?

  • 4 de maio de 2020 em 12:51
    Permalink

    O “Zé” acabou de provar que não enxerga dez centímetros a frente do nariz.

    Resposta
  • 3 de maio de 2020 em 22:19
    Permalink

    Na minha opinião opresidente está certo! Quem não viu as pessoas como ser humano foi prefeitos e governadores, o fizeram foi aproveitar o momento da apademia infelizmente oportunidade para sulgar o governo federal

    Resposta
    • 5 de maio de 2020 em 20:09
      Permalink

      Kkkkk! Sua escrita é tão sofrível quanto a sua inteligência de gado. Aproveite e fique quieto para não dar vexame, apenas siga o rebanho! É quando contrair o Vírus, morra quieto , sem ocupar leito em hospital. Deixe o leito e o tempo dos profissionais de saúde para quem sabe que a terra não é redonda.
      #bozoHomicida.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *