Equipe de aeromédicos resgata adolescente atingido por tiro na cabeça em comunidade de Santarém

O serviço aeromédico do governo do Estado fez, nesta sexta-feira (15), em Santarém, oeste do Pará, o resgate de Igor da Silva Matos, 13 anos, que sofreu um acidente com arma de fogo pela manhã, na comunidade Repartimento, região do Rio Arapiuns, a cerca de 140 quilômetros da sede municipal. A aeronave levou o jovem para o Hospital Municipal de Santarém, onde ele chegou consciente e recebeu os primeiros atendimentos.

O adolescente foi atingido, acidentalmente, por um tiro de espingarda, enquanto manuseava a arma numa caçada. O secretário Regional de Governo do Oeste, Henderson Pinto, foi informado do acidente pelo coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Josiel Colares. Em conjunto com a 9ª Regional da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o transporte aeromédico foi acionado para fazer o resgate.

“O resgate foi decisivo para o adolescente, já que a bala ficou alojada na cabeça. Se o transporte aeromédico não estivesse em Santarém neste momento, o garoto teria que ser transportado de lancha, o que demoraria pelo menos dez horas, sem falar que seria um trajeto bem difícil pelo rio. Graças à decisão do governo de manter um helicóptero em Santarém durante a pandemia, foi possível prestar um socorro muito mais rápido”, disse o secretário.

RG 15 / O Impacto com informações da Agência Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *