EM RURÓPOLIS, CPC RENATO CHAVES REALIZA PERÍCIAS EM OBJETOS APREENDIDOS PELA POLÍCIA DURANTE DILIGÊNCIAS

Peritos do CPC de Santarém estiveram na cidade de Rurópolis no início na manhã deste último domingo, 20/07/2020, onde realizaram uma série de procedimentos solicitados neste mês de Julho pela Autoridade Policial referente a exames periciais técnicos em veículos, documentos e objetos apreendidos durantes as Operações Integradas das Polícias Civil e Militar da 17ª CIPM na primeira quinzena do mês.

Segundo o delegado titular do município, Dr. Ariosnaldo da Silva Vital Filho foram realizadas perícias em motocicletas apreendidas com registros de roubos/furtos apresentando sinais de adulteração em chassi e motor, além da apresentação de documentos aparentemente falsos encaminhados para análise.

Os trabalhos policiais e periciais também se estenderam a apresentação e análise de armas e munições apreendidas durante as Operações policiais deflagradas para coibir crime de posse ilegal de arma de fogo e crimes contra o patrimônio, bem como de averiguação de vestígios colhidos em local de crime de homicídio, este último ocorrido na zona Rural do Município quando um corpo de um homem idoso foi encontrado emergindo do rio Ipixuna, localizado às margens da BR 230, sendo que o caso ainda está sob investigação da polícia.
Armas brancas do tipo faca, facões e terçados também foram analisados em exame pericial técnico de constatação de objeto e detectação de substância hematóide cujo laudo servirá para melhor embasar de forma documentada tais instrumentos utilizados para provocar lesões e/ou ameaças nas vítimas de crimes de violência doméstica.
Ainda, conforme o delegado os resultados são satisfatórios em prol da segurança do município por meio de intenso trabalho preventivo-repressivo realizado entre as forças de segurança pública.
Os trabalhos de Perícias Técnicas contaram com o perito Giuseppe Trancredi e de seus Auxiliares de perícia Márcio Lino, Josias Matias e Francisco Abreu, que desenvolveram trabalhos exaustivos tudo para melhor embasar os procedimentos policiais em vias de conclusão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *