Covid-19 mata prefeito de Redenção no sul do Pará

O prefeito da cidade de Redenção, no sul do Pará, Carlo Iavé Furtado (MDB), morreu, na noite de ontem (26), em um hospital na cidade de Palmas (TO), vítima de Covid-19. O político sofreu uma parada cardíaca e foi a óbito, no final da noite desta quarta-feira. A esposa, Vilma Warketing, continua internada, respirando por aparelhos, infectada pelo coronavírus. O quadro de saúde dela inspira cuidados médicos.

A morte do gestor municipal abalou profundamente a população da cidade de Redenção. Ele era hipertenso. Com a morte do prefeito, a cidade registra 42 pessoas mortas pela COVID-19, sendo 2.290 casos confirmados e 7.412 casos descartados. Nas últimas horas, o quadro de saúde da vítima havia melhorado.

Tristeza

O povo de Redenção está em choque, pois, em menos de cinco anos, o município perdeu dois prefeitos em pleno exercício do mandato. Wanderley Coimbra, faleceu, em 2016, vítima de acidente de carro. Em seu lugar, assumiu o então vice-prefeito Carlos Iavé, morto na noite de ontem em Palmas. Natural da cidade de Itaiópolis, estado de Santa Catarina, o empresário ficou conhecido pelo empreendedorismo.

Carlos Iavé foi um daqueles raros casos em que o empregado enriquece e compra a própria empresa onde trabalhava. Depois de anos de luta, ele criou um império formado por concessionárias, empresas de comunicação, firma de máquinas pesadas, implementos agrícolas e propriedades rurais. Ainda não foi divulgado se o corpo do prefeito será trasladado para Redenção ou será sepultado em Santa Catarina.

Fonte: Portal Debate Carajás

Um comentário em “Covid-19 mata prefeito de Redenção no sul do Pará

  • 27 de agosto de 2020 em 22:02
    Permalink

    Não tomou Cloroquina ois era do que PT e

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *