Com 27 mil atendimentos, Unidade Descentralizada para síndrome gripal e covid-19 completa 100 dias de atividade

A Unidade de Saúde Descentralizada (USD) para atendimento de pessoas com síndrome gripal, suspeitas ou positivadas para covid-19 completa hoje, 28 de agosto, 100 dias de atividades em Santarém, desde a implantação em 18 de maio. Para marcar a data, todos os serviços, tanto os de atendimento aos possíveis novos casos quanto os de pacientes que estão em recuperação, estarão disponíveis. A USD é uma iniciativa da Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) implantada para promover tratamento precoce e diminuir os leitos nos hospitais.

USD em números 

De 18 de maio a 26 de agosto foram dispensados 417.534 medicamentos e realizados 27.937 atendimentos. Destes, 22.999 foram consultas médicas, 11.939 foram notificações e 119 foram transferências para a Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA).

Atendimento gratuito e facilitado 

A Unidade realiza Triagem, Consultas Médicas, Notificação, Dispensação de medicamentos, Fisioterapia e Treino Funcional, Atendimento Psicológico e Atendimento de Serviço Social também fazem parte das atividades.

Desde a implantação, a USD foi sede em escolas de diversos bairros do município, descentralizando os serviços e garantindo atendimentos gratuitos e facilitados. A Unidade já funcionou nas escolas Ubaldo Corrêa, no bairro Santarenzinho; Princesa Izabel, no bairro Nova República; Padre Manoel Albuquerque, no bairro Santíssimo; Madre Imaculada, no bairro Prainha; e Fluminense, no bairro Santa Clara. Atualmente, a USD está em atividade na Escola Álvaro Adolfo, no bairro Santa Clara.

O trabalho é coordenado pela Semsa que disponibiliza uma equipe de multiprofissionais para detecção de possíveis casos da covid-19, a fim de oportunizar um tratamento precoce, como medida para o enfrentamento e combate ao novo coronavírus.

“É uma estratégia de prevenção que vem dando certo e salvando vidas. Uma importante arma contra a pandemia”, disse a secretária municipal de Saúde, Dayane Lima.

Por: Agência Santarém

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *