MINISTÉRIO PÚBLICO REITERA PEDIDO DE CONDENAÇÃO DE VEREADOR DE PORTO DE MOZ E IRMÃO POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

O vereador Josiel Pantoja de Souza – PL, conhecido na cidade de Porto de Moz/Pa, popularmente como Alonso Souza, é acusado por pratica de Improbidade Administrativa juntamente com seu irmão Oscar Pantoja de Souza Filho, por ter usado de seu cargo de vereador para influenciar e favorecer no ano de 2014 a empresa O. P. DE SOUZA FILHO & CIA LTDA, empresa está de propriedade de irmão Oscar Pantoja de Souza Filho, por pratica de nepotismo cruzado.
Segundo consta na denúncia por ato de Improbidade Administrativa (Processo n. 0003362-27.2014.8.14.0075 – PJE), o atual Vereador e Pré-candidato a reeleição Josiel Souza do Partido Liberal (Alonso Souza), no ano de 2014, interferiu e influenciou junto ao Poder Executivo que seu irmão ganhasse a licitação de obras civis de construção, ampliação de parques, jardins e arborização urbana na cidade de Porto de Moz/Pa, no valor de R$ 674.854,86 (seiscentos e setenta e quatro mil, oitocentos e cinquenta e quatro reais e oitenta e seis centavos), referente a Tomada de Preço n. 12001/2014-PMPM.
No mesmo processo, o Pré-candidato do PL ainda é acusado em interferir e influenciar junto ao no mesmo ano de 2014, que seu irmão ganhasse a licitação no valor de R$ 340.817,04 (trezentos e oitenta mil, oitocentos e dezessete reais e quatro centavos), para a reforma e ampliação do Feirão Municipal de Porto de Moz/Pa, referente a Tomada de Preço n. 12002/2014-PMPM.
Em ambas as obras a empresa O. P. DE SOUZA FILHO & CIA LTDA, de propriedade de Oscar Souza, ligado ao vereador Alonso Souza, ganhou a licitação, totalizou o valor global de R$ 1.015.671,90 (um milhão, quinze mil, seiscentos e setenta e um reais e noventa centavos).
No processo que os irmão são acusados por pratica de improbidade, consta que o edil e Pré-Candidato a vereador de Porto de Moz e seu irmão foram intimados para apresentar contestação, deixando o vereador de apresentar sua defesa/contestação.
Na data de 10/09/2020, o Ministério Público de Porto de Moz/Pa, através de sua Promotora Titular, Dra. Juliana Freitas dos Reis, reiterou os pedidos de condenação apresentados no processo por pratica de Improbidade Administrativa supostamente praticada pelo vereador Josiel Souza – PL (Alonso Souza), seu irmão Oscar Pantoja de Souza Filho e a empresa O. P. DE SOUZA FILHO & CIA LTDA.
O atual vereador Josiel Pantoja de Souza – PL (Alonso Souza) é Pré-candidato a reeleição em Porto de Moz, tendo coligado com o Pré-candidato a Prefeito Ray Diesel – PL e a Pré-candidata a Vice-Prefeita Eliana Cardoso – PSDB.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *