Ambulatório itinerante, a estratégia que tem salvo vidas em Santarém

O Ambulatório Itinerante foi implantado pela Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no início da pandemia e desde então já levou atendimentos a dezenas de comunidades rurais, ribeirinhas e urbanas.

Os serviços fazem parte da estratégia para detectar pacientes infectados pelo novo coronavírus para garantir tratamento precoce e evitar o agravamento da doença, adotando medidas para frear a transmissão e circulação do vírus. No último fim de semana, o Ambulatório Itinerante de Saúde desembarcou na região de rios. Entre os dias 12 e 13 de setembro, a equipe visitou três comunidades: Cabeça D’onça, Ponta do Surubiu-Açu e Santa Terezinha. Ao todo, foram 1.885 procedimentos com 1.356 medicamentos dispensados.

Durante todo o mês de setembro, 10 comunidades da região serão contempladas, sempre aos finais de semana.

No dia 19 de setembro será a vez das comunidades Moacá, Picãe, São José. No dia 20 de setembro a comunidade Lago da Praia será visitada. No dia 26 de setembro, a equipe estará na Boca de Cima do Aritapera e na Enseada do Aritapera. Encerrando o cronograma, a comunidade Água Preta será contemplada no dia 27 de setembro.

ATENDIMENTOS AO BAIRRO BELA VISTA DO JuÁ: Na quinta-feira (10) foi a vez do bairro Bela Vista do Juá de Baixo receber o ambulatório itinerante. A equipe levou atendimentos médicos em geral, com atenção especial para pacientes com síndrome gripal ou com sintomas de Covid-19. Foram 104 atendimentos e 951 medicações dispensadas.

Foram 31 atividades de escuta inicial e orientações gerais, além de 73 atendimentos de clínica médica. Testes rápidos para Sífilis, HIV, Hepatites B e C chegaram a 104. Em relação à Covid-19 foi feito apenas um teste rápido que teve resultado positivo.

O ambulatório itinerante foi implantado pela Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no início da pandemia e desde então já levou atendimentos a dezenas de bairros e comunidades rurais.

Os serviços fazem parte da estratégia para detectar pacientes infectados pelo novo Coronavírus para garantir tratamento precoce e evitar o agravamento da doença, adotando medidas para frear a transmissão e circulação do vírus. Seguindo o cronograma, o ambulatório visitará no sábado (12) a comunidade Perema, localizada na PA-370 (Rodovia Santarém-Curuá-Una).

A Comunidade São Francisco da Cavada, na PA-370 (Rodovia Santarém-Curuá-Una) recebeu o ambulatório itinerante na sexta-feira (11). Foram 106 atendimentos, sendo 39 de escuta inicial e 67 de clínica geral. As medicações dispensadas chegaram a 626. Testes rápidos para Sífilis, HIV, Hepatites B e C foram 120.

Neste sábado (12), as atividades acontecem na região de rios: comunidade Cabeça D’onça, Ponta do Surubi-Açu e Santa Terezinha.

O ambulatório itinerante foi implantado pela Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no início da pandemia. Os serviços fazem parte da estratégia para detectar pacientes infectados pelo novo Coronavírus para garantir tratamento precoce e evitar o agravamento da doença.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *