AULAS PRESENCIAIS NA REDE ESTADUAL SOMENTE EM 2021, DECIDE GOVERNO

Na tarde desta terça feira, 27 de outubro, o governador do Estado do Pará, Helder Barbalho, fez um comunicado oficial para informar aos paraenses sobre o ano escolar que foi interrompido por conta da pandemia de COVID-19. Ao lado da Secretária de Educação, Eliete de Fátima, e do Secretário de Saúde, Rômulo Rodovalho, foi tomada a decisão conjunta entre os dois setores do não retorno com as aulas presenciais de 2020, deixando para 2021 a volta às escolas.

O governador afirmou que desde março tem tomado medidas para salvar a vida da população, pensando e agindo com as bases da ciência no conhecimento, pedindo o apoio de médicos e profissionais em saúde para tomada de decisões. E, embora mais de 200.000 atendimentos tenham sido realizados nos hospitais e policlínicas, muitas pessoas perderam a luta contra a covid.

“Devemos lembrar que o vírus continua e por isso a responsabilidade, a sensatez, o equilíbrio das decisões devem pautar as ações do nosso governo. Então, retornaremos no ano de 2021 já com condições que possam proteger efetivamente os nossos alunos, familiares, professores e todos os profissionais da educação”, afirmou.

Defendendo a vida em primeiro lugar, Helder Barbalho afirmou que as aulas remotas continuarão e também serão feitas ações para os alunos que estão concluindo o ensino médio e estarão participando do ENEM. Há uma plataforma digital em funcionamento, distribuição de chips para acesso a dados e a quinta recarga do vale alimentação, que garantirá e alimento para 575.000 alunos.

“A decisão acertada é que não haja o retorno das aulas presenciais, para que as escolas não venham a ser um ambiente de transmissão viral e que isto possa potencializar a circulação do vírus, colocando em risco a vida das pessoas e eventualmente colapsando o sistema de saúde.”

Por Thays Cunha

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *