POLÍCIAS CIVIL E MILITAR DEFLAGRAM OPERAÇÃO “PENHA” NO COMBATE À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA EM RURÓPOLIS

Na sexta-feira, dia 13, as polícias Civil e Militar deflagraram a OPERAÇÃO “PENHA” e cumpriram Mandado Judicial de busca e apreensão de armas e munições em uma residência no bairro Vila Nova, de Justino Leandro do Nascimento, 65 anos, agricultor, acusado de crime de ameaça e violência doméstica contra sua ex-companheira, uma mulher de 64 anos.

As diligências ainda se estenderam até a vicinal da cachoeira, onde o agressor possui um lote rural.

Segundo a vítima, Justino, após o término do relacionamento passou a ofendê-la moralmente e ameaçá-la de morte e temendo por sua vida ela informou a polícia que ele guarnecia em sua residência uma arma de fogo e munições.

A Polícia Civil sob o comando do delegado Ariosnaldo da Silva Vital Filho e Policiais Militares da 17 CIPM realizaram buscas na residência do suspeito e no seu lote rural, porém o mesmo já tinha se desfeito do objeto.

Segundo o delegado de polícia civil de Rurópolis, durante as diligências o suspeito foi cientificado de medidas protetivas de urgências a favor da sua ex-companheira que devem ser observadas sob pena de prisão.

O agressor foi indiciado por crime de ameaça no âmbito familiar nos termos da Lei Maria da Penha, além de ser cientificado das medidas protetivas de urgência impostas a favor da ofendida.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *