Novembro de 2020 foi o 2º mês com maior redução de crimes dos últimos 10 anos no Pará

Com os constantes investimentos realizados na área da segurança pública, seja na aquisição de equipamentos, melhoramento em estruturas e no reforço do efetivo policial nas ruas, os números obtidos pela Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac), vinculada à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) apontam o que é possível perceber nas ruas, a diminuição da violência.

O mês de novembro foi o segundo melhor mês em redução de criminalidade desde 2010. O primeiro lugar ficou com o mês de junho, empatado com setembro, de 2020. O número computado dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), que engloba homicídio, latrocínio e lesão corporal seguida de morte em novembro deste ano, foi de 179 ocorrências, 16% a menos do que o ano passado, quando houve o registro de 213 crimes computados. O mês de junho e setembro registrou 171 registros.

O índice de homicídio caiu para 19% em novembro, em todo o Estado, com relação ao ano passado, que registrou 203 casos, e este ano registrou um total 165 registros, totalizando 38 ocorrências a menos. Ainda em novembro, o furto caiu 38% no Pará. No ano passado, 9.859 casos foram registrados. Já neste ano foram 6.122 casos, resultando em menos 3.737 casos. Também houve redução de 24% do crime de roubo, no mês de novembro, no Pará. No ano passado foram computadas 7.039 ocorrências deste tipo de crime e este ano 5.334, totalizando 1.705 registros a menos, e tornando novembro de 2020 o mês de novembro com menor registro de roubos, ao comparar com o mesmo mês dos últimos dez anos.

“Após a redução alcançada em 2019, quando comparada a 2018, nós tivemos o desafio de sermos melhores que nós mesmos em 2020. E a gente vem conseguindo, já ao final de 2020 uma queda significativa ao ponto de ser reconhecido nacionalmente como o Estado do Brasil que que mais reduziu a criminalidade este ano, dados apontados por estudos e organismos nacionais e desvinculados à segurança pública do Estado”, afirmou o secretário de segurança pública e defesa social do Pará, Ualame Machado.

RG 15 / O Impacto com informações da Segup

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *