Justiça estrangeira decreta a prisão do assassino de jogador santareno

Chagas da Trindade,  assassino do jogador de futebol Betinho (foto) foi condenado pela Justiça  no último dia 8, a 20 anos de prisão. Em 2018, dentro de uma boate na Guiana Francesa, ele desferiu várias facadas no atleta santareno, que veio a óbito ainda no local.

Testemunhas disseram à polícia, que um esbarrão teria sido o motivo para que o homicida tirasse a vida de Betinho.

O atleta chegou a disputar o Campeonato Paraense pelo São Francisco, e atuou ao lado do zagueiro Perema e do atacante Elielton no Paysandu e Remo.

Com a condenação, a família sente que a justiça foi feita, e um pouco de consolo diante da perda de um jovem com muito talento e sonhos, e que teve a vida interrompida por motivo torpe.

RG15/ O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *