Polícia Civil do Pará incinera cerca de duas toneladas de drogas

Atendendo à determinação do Poder Judiciário, a Polícia Civil do Pará incinerou, na manhã de sexta-feira (05), no município de Benevides, cerca de duas toneladas de entorpecentes que estavam acondicionadas na sede da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), em Belém. A ação contou a participação de 40 agentes de segurança pública.

“Quero parabenizar os policiais civis da Denarc e das demais delegacias que, com muito trabalho, conseguiram apreender toda essa grande quantidade de entorpecentes”, disse o delegado-geral, Walter Resende.

Segundo o titular da Divisão Estadual de Narcóticos, delegado Pery Netto, que também coordenou a operação, as drogas foram apreendidas nos últimos dez meses durante diligências realizadas por agentes da Denarc e de unidades policiais da região metropolitana. “Essa ação conjunta é resultado do trabalho diário da Polícia Civil por meio da Denarc e outras delegacias de Belém e região. Todo o material é oriundo de prisões em flagrante, apuração de denúncias anônimas entre outras”, comentou o titular da Delegacia.

O material incinerado continha diversos tipos de entorpecentes, entre eles, cocaína, oxi e maconha, que somam mais de 16 milhões de reais e foram retirados do tráfico de drogas.

A ação contou com o apoio de duas equipes da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core). Representantes do Ministério Público do Pará e Vigilância Sanitária da Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) também acompanham e fiscalizaram incineração que foi concluída às 12h.

O procedimento de incineração está previsto na “Lei Antidrogas”.

RG 15 / O Impacto com informações da PC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *