Com medo da esposa, homem mente sobre assalto após gastar mil reais em prostíbulo

Em Belo Horizonte (MG), um homem, de 44 anos, foi preso após falsa comunicação de crime. O acusado havia gasto R$1.000 em um prostíbulo e teria que ter uma boa “desculpa” para dar à esposa sobre o sumiço do dinheiro.

Sem saber o que fazer, ele acionou a polícia e informou que havia sido vítima de um assalto enquanto passava por uma passarela. O acusado ainda chegou a descrever os supostos criminosos e, ainda relatou que eles estariam armados e que além do dinheiro, eles teriam levado seu celular.

Os agentes então foram atrás dos autores do suposto crime, mas, ao checarem as câmeras de monitoramento, nem a “vítima” e nem os “assaltantes” foram localizados nas imagens.

Ao ser mais uma vez questionado pelos oficiais, ele entrou em contradição e confessou que o crime não aconteceu e que ele teria gastado o dinheiro no prostíbulo e ao realizar um novo programa, teria entregado o seu celular como pagamento.

Fonte: Roma News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *