Nélio Aguiar registra boletim de ocorrência contra ameaça de morte

O prefeito de Santarém, Nélio Aguiar, recebeu no início da noite de domingo, 14, uma ameaça de morte, cujo áudio vazou num grupo de WhatsApp. No áudio, a pessoa, que ainda não foi identificada, diz que vai jogar gasolina no prefeito e atear fogo e ainda faz um alerta para que ele não ande numa avenida da cidade. A avenida é a Avenida Tapajós que passa em frente à cidade.

No mesmo áudio é relatado o motivo da ameaça: o prolongamento do estado de lockdown até o próximo dia 19, decisão tomada na sexta-feira, 12, pelo Comitê de Crise de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus de Santarém.

O prefeito registrou Boletim de Ocorrência na delegacia de Policia Civil.

“Registrei Boletim de Ocorrência e estou tomando as cautelas necessárias à minha segurança e de minha família. Não é a primeira vez que recebo esse tipo de ameaça. As decisões do Comitê de Crise, formado por várias representatividades, são baseadas em dados da situação epidemiológica do município. Atualmente, o governo do estado declarou bandeiramento preto aqui na região e as instituições judiciárias têm recomendado seguir esse bandeiramento. Na luta pela vida, a gente acaba arriscando a nossa e de nossa família”, disse o prefeito Nélio Aguiar.

A Polícia Civil informou que já está no encalço de quem fez a ameaça.

RG 15 / O Impacto

Um comentário em “Nélio Aguiar registra boletim de ocorrência contra ameaça de morte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *