Concluída imunização de idosos do Lar São Vicente de Paulo

A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) segue cumprindo o cronograma de imunização contra o novo coronavírus no município. Nesta terça-feira (16), 28 dias após a aplicação das primeiras doses, os idosos do Lar São Vicente receberam a segunda dose.

O início da vacinação contra o novo coronavírus iniciou em Santarém no dia 19 de janeiro onde foram aplicadas as primeiras 5 doses do município em idosos do Lar. A imunização ocorreu em solenidade que contou com a presença do governador do Pará, Helder Barbalho e do prefeito Nélio Aguiar.

Dois dias depois, em 21 de fevereiro, os demais idosos residentes do Lar e funcionários que trabalham com o atendimento direto desse público também receberam a 1ª dose.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica do município, Edna Gadelha, é uma das profissionais a frente da campanha. Ela relata a emoção em cumprir com a imunização dos idosos do Lar.

“Retornamos ao asilo para ministrar a segunda dose e ter certeza que eles estarão imunizados contra esta doença. Estamos gratificados em participar desta campanha. Eu participei das campanhas contra influenza e agora, mais uma vez participando de uma campanha de vacinação tão importante como esta. A sensação é muito boa em contribuir no combate a esse vírus”, comentou a enfermeira.

Ao todo, 30 idosos receberam a 2ª dose efetivando a imunização contra a covid-19, sendo 20 homens e 10 mulheres. Na instituição trabalham 22 funcionários, 20 receberam a 2ª dose, 2 não puderam estar presentes e devem tomar a dose em outro momento.

A primeira pessoa a receber a vacina em Santarém foi Maria das Graças Régis. Hoje, ela recebeu a 2ª dose e está imunizada contra a covid-19. “Estou me sentindo novamente em estado de graça. Mais fortalecida dentro da minha fé e digo novamente o quanto penso em todos que precisam tomar esta vacina. Recomendo a quem puder tomar, que tome a vacina, que considere como um ato de amor ao próximo para que esta doença não se espalhe. Eu agradeço muito a todos que estão nesta luta e por ter a oportunidade de ser imunizada”, declarou a idosa.

Na 1ª etapa estão sendo imunizados indígenas, idosos que vivem em asilos e profissionais de hospitais que atuam na linha de frente da pandemia. O planejamento foi feito de acordo com o que preconiza o Ministério da Saúde em concordância com a Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa). Na 2ª etapa, são vacinados idosos a partir de 80 anos que seguem recebendo a 1ª dose nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

O prefeito Nélio Aguiar comentou sobre o processo de injeção da 2ª dose e as estratégias adotadas por seu governo para dar continuidade a campanha. “Demos seguimento a campanha de vacinação com a 2ª dose que finaliza o ciclo de imunização. Nosso objetivo é imunizar a todos, mas dependemos do repasse de mais doses para continuar avançando com o cronograma de vacinação. Solicitamos ao Ministério da Saúde a antecipação da vacina contra a covid-19 para atender idosos na faixa etária de 60 a 79 anos. Um pedido de 29.588 doses que é o ideal para imunizar toda a população de idosos do nosso município.”

RG15/O Impacto – Com informações ASCOM PMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *