CAPACITAÇÕES ONLINE E GRATUITAS SOBRE PREVENÇÃO À VIOLÊNCIA SEXUAL INFANTIL SERÃO PROMOVIDAS PELO FUTURO BRILHANTE

O Futuro Brilhante é um Projeto Social que surgiu em 2014 com o objetivo de atender 20 crianças que estavam prestes a abandonar a escola por falta de itens básicos, tais como caderno, lápis e borracha.

Atualmente reúne 21 profissionais e estudantes de nível superior com o objetivo de realizar ações de prevenção à violência sexual infantojuvenil e de estímulo à educação infantil a partir da doação de kits escolares para crianças em situação de vulnerabilidade social e econômica.

Entre as ações de prevenção à violência sexual realizadas pelo Projeto, destaca-se a produção do podcast (https://www.youtube.com/watch?v=p4kn-FJ1Wdg&t=19s), das histórias infantis (https://futurobrilhante.net.br/ribeirinha/) e as oficinas online que ocorrem a cada 15 dias.

Desde a nossa criação já atendemos 2.085 crianças com o fornecimento de kits escolares:

  • 2014 – 20 crianças atendidas;
  • 2015 – 55 crianças atendidas;
  • 2016 – 39 crianças atendidas;
  • 2017 – 55 crianças atendidas;
  • 2018 – 395 crianças atendidas;
  • 2019 – 810 crianças atendidas;
  • 2020 – 711 crianças atendidas;

Somente no ano de 2020, apesar do contexto de pandemia, foram realizadas 39 palestras sobre crimes sexuais, 2 congressos brasileiros de prevenção à violência sexual infantojuvenil, lançaram 9 episódios do podcast e 8 capítulos das aventuras da Ribeirinha, ambos com o objetivo de mostrar como agem os abusadores e o que podemos fazer para proteger crianças e adolescentes da violência sexual infantil.

De acordo com publicação feita pela UNICEF, 84% dos casos de estupro de vulneráveis, ou seja, crimes sexuais cometidos contra quem tem menos de 14 anos de idade,  pessoas com deficiência ou que não podem oferecer resistência por outra causa ou condição de vulnerabilidade, como embriaguez acontecem dentro de casa e, diante do contexto de isolamento social decorrente da pandemia, o relatório do Instituto Sou da Paz, Ministério Público e UNICEF alertou para a dificuldade das denúncias desses crimes.

Por isso, em 2021, o projeto decidiu ampliar o alcance das oficinas, que antes eram exclusivas para os voluntários do Projeto, a fim de contribuir ainda mais com a formação de profissionais da rede de atendimento de crianças e adolescentes ao possibilitar que também participem das capacitações online.

Diego Martins, Coordenador Geral do Projeto e Assessor de Juiz do TJPA, disse estar muito feliz com o engajamento de todos os voluntários ao realizarem pesquisas sobre temas extremamente interessantes e compartilharem seus conhecimentos de forma gratuita em prol de uma causa tão nobre como a prevenção da violência sexual infantil. Acrescentou que é muito gratificante contribuir para que nossas crianças e adolescentes estejam mais protegidos a partir da capacitação que é ofertada gratuitamente aos profissionais da rede de atendimento de crianças e adolescentes.

Acompanhe o calendário de oficinas já realizadas e que ainda acontecerão no 1º semestre de 2021:

 

Data: 10.02, às 19h

Tema: Funcionamento das unidades judiciais especializadas no julgamento de crimes sexuais

Palestrante: Diego Martins

Gravação disponível no Youtube: https://youtu.be/ovyC4J1QyNc;

 

Data: 24.02, às 19h

Tema: Abuso de álcool, drogas e outras substâncias por vítimas de violência sexual

Palestrante: Rayssa Xavier

Gravação disponível no Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=wi3xeNddAR4

 

Data: 10.03, às 19h

Tema: Jogos e brincadeiras como ferramentas de prevenção à violência sexual infantojuvenil

Palestrantes: Rayssa, Bianca e Gabriela

 

Data: 31.03, 19h

Tema: Como controlar o que seu filho acessa na internet: prevenindo a violência sexual online

Palestrante: Márcio Ferreira

 

Data: 07.04, 19h

Tema: A sexualidade da vítima de crimes sexuais após o abuso

Palestrante: Samara Siqueira

 

Data: 28.04, às 19h

Tema: A exploração sexual comercial de crianças e adolescentes como modalidade de trabalho infantil

Palestrante: Omar Conde Aleixo Martins

 

Data: 27.05, 19h

Tema: Prevenção: a principal estratégia para o enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes

Palestrante: Fernanda Lima

 

Data: 09.06, 19h

Tema: Como lidar com as sequelas psíquicas decorrentes da violência sexual infantil?

Palestrante: Lunara Farias

 

Data: 23.06, 19h

Tema: Da revelação da violência sexual à sentença: por que o julgamento de crimes sexuais demora?

Palestrante: Diego Martins

 

Inscreva-se GRATUITAMENTE pelo whatsapp (91) 99214-2537

 

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *