CONFLITO AGRÁRIO – POLÍCIA CIVIL PRENDE AUTOR DE HOMICÍDIO OCORRIDO EM RURÓPOLIS

Policiais Civis da Seccional de Itaituba, Rurópolis e Placas sob o comando da Superintendência do Tapajós, Dr. Vicente Gomes deflagraram no sábado, 10, diligências policiais e o cumprimento do mandado de prisão em desfavor de GILBERTO RIBEIRO PEREIRA, 26 anos, residente na vicinal do KM 151, município de Placas, o qual segundo investigações é apontado como um dos autores dos disparos que vitimou GILSON MARIA TEMPONI, fato ocorrido no dia 15 de dezembro de 2018, na cidade de Rurópolis por volta de 8h da manhã, quando dois homens desconhecidos chegaram numa motocicleta até a residência da vítima e o alvejaram a queima roupa.

As investigações estavam em andamento e sob sigilo e no decorrer das mesmas, policiais civis buscaram elementos afim de elucidar o crime chegando a pessoa de GILBERTO como um dos suspeitos.

vítima

Gilson Maria Temponi, vulgo MINEIRO era líder dos assentamentos agrícolas CASTANHEIRA, ARTHUR FALEIRO e AVELINO RIBEIRO, todos localizados no Município de Placas. Fato este somatizado aos conflitos pela posse da terra que devem ter motivado o crime.

Com base nas investigações que apontavam a autoria, a autoridade policial do município de Rurópolis Dr. Ariosnaldo da Silva Vital Filho representou pela prisão temporária do acusado, sendo decretada pelo Poder Judiciário da cidade de Rurópolis.

Durante o cumprimento do mandado GILBERTO se recusou assiná-lo e ainda tentou fugir, porém foi logo algemado e conduzido a cidade de Itaituba, face a repercussão na cidade de Rurópolis e Placas.

preso

O custodiado será transferido ao presídio de Itaituba onde ficará a disposição da Justiça.

A Polícia Civil informa que as investigações continuam a fim de apurar o envolvimento de outras pessoas no crime.

RG 15 / O Impacto

Um comentário em “CONFLITO AGRÁRIO – POLÍCIA CIVIL PRENDE AUTOR DE HOMICÍDIO OCORRIDO EM RURÓPOLIS

  • 12 de abril de 2021 em 07:22
    Permalink

    Então acho vcs muito sem caráter publicar em um jornal como vcs fizeram esse rapaz ele é meu cunhado quando ele sair vamos meter um processo em vcs , ele não matou ninguém na época desse crime ele estava em Goiânia e sinto muito em falar pra vcs , ele estava trabalhando em uma empresa e já temos todas as provas

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *