Covid-19: Pará registra queda no percentual de ocupação de UTIs e estabilidade em novos casos

O Pará vem enfrentando a 2ª onda da Covid-19 desde o final de dezembro do ano passado, quando registrou uma aumento expressivo no número de novos casos e óbitos. Mas agora, segundo o Comitê Científico Assessor ao Enfrentamento da Pandemia da Covid-19 do Pará, o Estado apresenta estabilidade nos casos da doença, e já com tendência de queda.

No domingo (2), o Pará registrou ocupação de 76,1% dos leitos de tratamento intensivo, o menor percentual de ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva desde 1º de março, data do pico da segunda onda da pandemia no Estado. O número de pessoas infectadas e a quantidade de óbitos pela doença também estariam em um patamar de estabilidade com tendência de queda.

Para a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), membro do Comitê,  o Estado vem atravessando a segunda onda da pandemia de forma menos agressiva que a média nacional, e também do Reino Unido e Estados Unidos.

RG 15 / O Impacto com Agência Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *