INSS – Golpistas aproveitam suspensão da Prova de Vida para obter dados de beneficiários

Golpistas estão se aproveitando da suspensão da Prova de Vida para tentar obter dados pessoais dos beneficiários. As abordagens podem ocorrer por carta, e-mail, telefonema ou mensagem de celular (WhatsApp ou SMS). Não envie seus dados pessoais, fotos ou documentos!

Nos contatos, são falados todos os dados pessoais e enviada uma mensagem, por WhatsApp, pedindo para que o aposentado envie uma foto de um documento para finalizar o processo. A pessoa que fala é muito segura.

Assim, o INSS alerta a todos para que, caso recebam esse tipo de ligação, desliguem o telefone e não forneçam nenhuma informação. O INSS não faz contato por telefone para procedimento de prova de vida, e o bloqueio de pagamento por falta da comprovação de vida está suspenso até 31 de dezembro de 2022.

Para evitar cair nesse tipo de golpe, é importante ficar atento às dicas:

– Mantenha sempre atualizados os seus dados de contato, como telefone, e-mail e endereço. Isso deve ser feito pelo Meu INSS ou pelo telefone 135;

– Caso alguém faça qualquer comunicação pedindo dados ou fotos em nome do INSS, não atenda a solicitação, desligue a ligação e bloqueie o contato;

– O INSS nunca entra em contato direto com a pessoa para solicitar dados, nem pede o envio de fotos de documentos;

– O número do SMS usado pelo INSS para informar os cidadãos é 280-41. O INSS nunca manda links nem pede documentos pelo SMS.

– Sempre que o INSS convoca o cidadão para apresentar documentos, essa convocação fica registrada no Meu INSS e pode ser verificada também pelo telefone 135.

– A pessoa deve utilizar apenas os canais oficiais de atendimento para cumprir qualquer solicitação do INSS, seja para agendar um serviço, seja para entregar algum documento: aplicativo/site Meu INSS ou agência da Previdência Social (com agendamento);

– É bom saber que quando alguém liga para o telefone 135 ou é atendido pelo chat humanizado da Helô, o atendente pode pedir algumas informações. Esse é um procedimento de segurança para confirmar a identidade de quem telefonou ou acessou o chat;

 O que fazer em caso de tentativa de golpe

Denuncie as tentativas de golpes à Ouvidoria através do link http://souweb.economia.gov.br/souweb/preparePesquisaInternauta.do  ou pelo telefone 135.

Caso tenha sofrido um golpe, registre um Boletim de Ocorrência e comunique aos órgãos envolvidos (por exemplo, o próprio INSS e o banco em que recebe o benefício, se for o caso).

OUTROS GOLPES

Golpistas também estão se aproveitando da restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). Nesta semana a Receita Federal emitiu um alerta, pois pessoas de má fé estariam utilizando informações a respeito desses valores para lesar os cidadãos, e o contato se dá geralmente através de e-mail. Nas mensagens, os criminosos disponibilizam um link malicioso com o assunto “Saque Imediato”.

Em nota, o Ministério da Economia afirma que “as comunicações da Receita Federal não possuem links de acesso por e-mail. Todas as informações recebidas devem ser confirmadas diretamente no Portal e-CAC, com acesso seguro por meio do gov.br ou por certificado digital”.

RG 15 / O Impacto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.