Dupla que matou e tirou pele do rosto de mulher é condenada a mais de 20 anos de prisão

A Promotoria de Justiça do Tribunal do Júri do Recanto das Emas obteve a condenação de Vicente Aldo Ferreira Silva e Rodrigo Pereira de Lima pelo homicídio de Rúbia Alves Ferreira, 35 anos, no Parque Leão, no Recanto das Emas, ocorrido em meados de agosto de 2020, no Distrito Federal, em Brasília.

Os réus foram condenados, respectivamente, a 25 e 21 anos de reclusão, em regime fechado. Rodrigo confessou o crime. O julgamento foi realizado na última quarta-feira (9/3).

Os jurados acolheram todas as qualificadoras propostas pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT): motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Para o promotor de Justiça Rafael Ribeiro, “a condenação mostra que a sociedade não aceita a prática de fatos tão brutais como os que foram julgados, proferindo resposta condizente com a gravidade da situação”.

Entenda o crime

O crime ocorreu em 13 de agosto de 2020, às 3h da manhã, no Parque do Leão, no Recanto das Emas. Rúbia teria furtado o celular de um deles e vendido para comprar drogas. Com o intuito de vingança, Vicente e Rodrigo atraíram Rúbia para um terreno baldio com o pretexto de consumirem crack.

Quando chegaram ao local, um deles a segurou pelas costas enquanto o segundo desferiu as facadas. Em seguida, removeram a pele do rosto da vítima e fugiram do local levando a faca usada no crime e o casaco da vítima. Os objetos foram dispensados numa lixeira em Samambaia.

Fonte: Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.