Moradores reclamam de obra que tem destruído muros e alagado casas no bairro Urumari

A reportagem do Jornal O Impacto foi acionada mais uma vez por moradores que clamam por medidas efetivas do poder público para a Rua João Batista de Miléo, situada entre os becos Central e Sapucaia, no bairro Urumari, em Santarém. Segundo moradores, a via foi asfaltada em novembro de 2021 e a ausência do sistema de drenagem adequado é o “causador” de todos os problemas no perímetro.

Com o período de intensas chuvas, a água que desce de ruas adjacentes alaga casas, comércios, além de causar acidentes. De acordo com a moradora Maria Ivanilda, que teve seu quintal alagado, muros de outras residências já caíram, e vizinhos se mudaram, pois perderam tudo na primeira chuva. A moradora denunciou ainda o descaso quanto a implementação de uma canaleta de concreto para escoar a água. “Fizeram aquela vala ali, mas o que acontece ‘é’ acidentes. Sábado aconteceu um. Já ‘caiu’ várias pessoas de moto, porque não tem sinalização. A pessoa que desce de lá, se taca na vala. Cai motoqueiro, idosos e crianças”.

A proprietária de um comércio identificada como Bebel, indignada com o sofrimento, direcionou sua fala ao Gestor Municipal: “Na hora que estava fazendo o filho, o que tinha era pai para assumir, agora quem vem assumir? Um fica empurrando para o outro. Prefeito Nélio Aguiar, o que a gente quer é a solução! As duas vezes que você se candidatou eu votei em você! Eu lhe cobro, como sua eleitora, que você faça alguma coisa por nós”, finalizou.

Entramos em contato com o Secretário de Governo Henderson Pinto na sexta-feira (11), mas até o presente momento não obtivemos retorno. Já a Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) nos informou que a obra não é de responsabilidade do município. A pavimentação asfáltica é do governo do estado e foi realizada pela empresa ETEC, que trabalha desde 2015 em obras públicas e privadas em Santarém. A empresa chegou a enviar uma equipe para o local, que realizou apenas medidas paliativas.

Confira a reportagem na TV IMPACTO:


Por Diene Moura

O Impacto – Colaborou Lorenna Morena

Um comentário em “Moradores reclamam de obra que tem destruído muros e alagado casas no bairro Urumari

  • 18 de março de 2022 em 23:24
    Permalink

    Nossos administradores têm que visitar cidades que são exemplos de boa e competente administração, tal e qual Curitiba ou Braga em Portugal, chega dessa preguiça e empurrar os problemas urbanos com a barriga; aprenda e trabalhe ou pessa pra sair !

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.