Prefeitura anuncia para 2 de maio o retorno das aulas 100% presenciais

A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), programou para 2 de maio – início do segundo bimestre – a data de retorno das aulas cem por cento (100%) presenciais e obrigatórias para alunos da Rede municipal e em todas as modalidades, sem escalonamento – divisão de grupos, facultado apenas para alunos com comorbidades.  A decisão foi tomada após reunião realizada na manhã desta terça-feira (12/04) com o comitê intersetorial, que por votação unânime decidiu pelo retorno presencial. Só poderão deixar de frequentar a Escola/Unidade de Educação Infantil os alunos/crianças com comorbidades comprovadas.

Por conta da pandemia da covid-19, o primeiro semestre do ano letivo 2022 iniciou em 15 de fevereiro de forma gradual, intercalado e não obrigatório com sistema de rodízio.

Conforme Nota Técnica da prefeitura, no retorno das aulas 100% presenciais, serão adotados alguns protocolos de segurança como a comprovação de vacinação dos alunos, por meio da carteira vacinal, a ser entregue (cópia) na secretaria da escola.

De acordo com a nota do comitê, as famílias que não vacinarem as crianças/adolescentes devem assinar um termo de responsabilidade contendo o motivo da recusa em vacinar.

Um questionário elaborado pela Semed e respondido por quase 22 mil pais de alunos (21.936) aponta que o número crianças/adolescentes a partir de 5 anos vacinados contra a covid-19 é de 61,1% contra 37,9% de não vacinados.

“A Secretaria de Educação em consonância com o comitê de trabalho intersetorial, organizado para deliberar as ações durante a pandemia, e com base nos dados informados pela Secretaria de Saúde (Semsa) sobre grau de contágio, número de leitos e os últimos dados sobre a covid-19 e, levando-se em conta os números da vacinação no município resolveu que as aulas presenciais deveriam ser retomadas seguindo alguns protocolos de segurança elencados na nota técnica emitida pelo comitê”, informou a assessora de ensino, Jéssica Ninas.

Ainda conforme a nota, serão articuladas pela Semed e pela Semsa estratégias para sensibilizar e estimular a vacinação dos alunos acima de 05 anos, por meio de palestras e vacinação nas escolas.

Comitê Intersetorial

O comitê intersetorial é formado por diversas entidades representativas da educação como Conselho Municipal de Educação (CME), Sindicato dos Profissionais das Instituições Educacionais da Rede Pública Municipal dçe Santarém (SINPROSAN), Comissão de Educação da Câmara de vereadores, Secretaria de Saúde (Semsa), Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Semtras) e Semed. (Com informações da PMS).

 

O Impacto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.