Polícia do Rio encontra passagem subterrânea em casa na Mangueira

Durante operação que aconteceu no Morro da Mangueira, na Zona Norte do Rio, para cumprir 30 mandados de prisão, a polícia localizou em uma casa, uma passagem subterrânea que era usada como fuga pelos criminosos.

De acordo com agentes da Polícia Civil, a passagem subterrânea ficava na cozinha de uma residência no alto do morro. O espaço tinha 30 metros por 1 metro de altura, o que permitiria a circulação de até duas pessoas. A passagem dava acesso a outra casa na comunidade.

Cerca de cem homens procuraram traficantes, entre eles, foragidos do Conjunto de Favelas do Alemão, também na Zona Norte.

Numa casa, os policiais encontraram um túnel construído embaixo da pia da cozinha, que se move sobre trilhos. O túnel seria usado para fugir de operações policiais (Foto: André Teixeira / Agência O Globo)

Onze presos e um menor detido
Na chegada à comunidade houve uma rápida troca de tiros. Os agentes contaram com o apoio de dois helicópteros. De acordo com a polícia, onze suspeitos foram presos, entre eles está a mulher de um traficante, que é suspeita de ter dado cobertura para a fuga do marido, e um homem que seria braço direito do traficante Alexander Mendes da Silva, o Polegar. Ele foi preso num dos acessos do Morro do Telégrafo, quando tentava fugir da operação.

Um menor também foi detido. Segundo a polícia, ele estava com uma submetralhadora e foi baleado na troca de tiros. O menor foi levado para o Hospital Souza Aguiar, no Centro.

Na ação, foram apreendidos 10 kg de cocaína, armas e um radiotransmissor.

Agentes da Polinter, com o apoio de várias delegacias especializadas, como Delegacia de Combate às Drogas (Dcod), Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA) e da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core), participaram da ação.

Policiais do 4º BPM (São Cristóvão) deram apoio à operação, fazendo o patrulhamento nas ruas próximas e nos acessos à Mangueira.

Preso na noite de quinta-feira
Na noite de quinta-feira (16), policiais do 3º BPM (Méier) prenderam um suspeito de tráfico durante uma ronda de rotina na Avenida Marechal Rondon, em São Francisco Xavier, no subúrbio do Rio, próximo do Morro da Mangueira. Segundo a polícia, o suspeito é um traficante foragido do presídio Edgar Costa, onde cumpre 28 anos de prisão por tráfico de drogas. Ele é primo do traficante Fu da Mineira, que cumpre pena num presídio federal.

Segundo a polícia, após a prisão do primo, ele assumiu o controle dos pontos de venda de drogas do Morro do Zinco, no Estácio, na Zona Norte do Rio. Mas depois teria sido enviado pela quadrilha para atuar no tráfico do Morro da Mangueira, que é controlado por Alexander Mendes da Silva, o Polegar.

O traficante Polegar é da mesma facção criminosa que dominava os pontos de venda de drogas no conjunto de favelas do Alemão, na Zona Norte do Rio. Durante a ocupação da comunidade, no dia 28 de novembro, policiais encontraram uma casa de três andares, com piscina, banheira de hidromassagem, TVs de plasma, móveis e eletrodomésticos novos, que segundo eles, seria ocupada por Polegar.

Aluizio Freire Do G1 RJ

Um comentário em “Polícia do Rio encontra passagem subterrânea em casa na Mangueira

  • 17 de maio de 2014 em 00:31
    Permalink

    A/C Gestor em compras.

    Produzimos luvas, aventais, perneiras e outros produtos em raspa e vaqueta. Visite nosso site e solicite um orçamento.

    Resposta
  • 17 de maio de 2014 em 00:31
    Permalink

    A/C Gestor em compras.

    Produzimos luvas, aventais, perneiras e outros produtos em raspa e vaqueta. Visite nosso site e solicite um orçamento.

    Resposta

Deixe seu comentário aqui: