NEWS – ATUALIDADES Ed. 1122

ISTO É O QUE VOCÊ DEVE COMER DE ACORDO COM SEU TIPO DE SANGUE!

A dieta do tipo sanguíneo serve como orientação na hora de escolher quais os alimentos que devemos consumir. Ela surgiu há 20 anos, quando o Dr. Peter J. d’Adamo publicou nos Estados Unidos o livro “Eat Right For Your Type” (Alimente-se Corretamente de Acordo com Seu Tipo de Sangue). A dieta segue esta premissa: cada tipo de sangue deve seguir uma dieta específica.Assim, para cada grupo sanguíneo, os alimentos são classificados como: benéficos: alimentos que previnem e tratam doenças; neutros: alimentos que não previnem doenças, mas não prejudicam a pessoa; nocivos: alimentos que podem agravar ou causar danos à pessoa. Já surgiram muitas críticas para a dieta criada por Peter J. d’Adamo. Muitos dizem que ela é uma “farsa”. Mas quem está com a razão? Os críticos ou o autor da dieta? Você mesmo(a) pode tirar sua conclusão e não ser “Maria vai com as outras”. Se quiser experimentar a dieta para avaliar os resultados, saiba o que pode e o que não pode consumir cada tipo de sangue:

SANGUE DO TIPO O – As pessoas com sangue do tipo O são carnívoras, têm o aparelho intestinal forte e necessitam comer proteínas animais diariamente. Caso contrário, podem desenvolver doenças gástricas, como úlcera e gastrite, devido à alta produção de suco gástrico. Alimentos benéficos, Carnes: bovina, carneiro, vitela, cordeiro. Peixes: bacalhau, badejo, sardinha, linguado, salmão. Laticínios: queijo de leite de cabra, queijo de soja. Frutas: ameixa, nozes, figo, semente de abóbora. Verduras: abóbora, brócolis, espinafre, alface romana, acelga, salsa. Cereais: apenas o trigo germinado, Outros: azeite de oliva. Alimentos neutros, Carnes: frango e peru. Peixes: atum, camarão, lagosta. Frutas: noz-pecã, castanhas, avelã, pinha. Verduras: abobrinha, agrião, inhame Cereais: farelo de arroz, farinha de trigo integral. Alimentos nocivos, Carnes: carne de porco e derivados, como presunto e bacon. Laticínios: queijos, creme de leite, iogurte, leite (integral ou magro), sorvete. Peixes: caviar, salmão defumado, polvo. Frutas: laranja, morango, coco, amora, amendoim, castanha-do-pará, pistache, castanha de caju, abacate. Verduras: berinjela, batata-inglesa, champignon, milho, repolho. Cereais: aveia, trigo, cuscuz e pão branco. Outros: óleo de milho, óleo de amendoim. – SANGUE DO TIPO A – As pessoas com sangue do tipo A são vegetarianas com aparelho intestinal sensível e têm dificuldade para digerir proteínas de origem animal, pois sua produção de suco gástrico é mais limitada. Alimentos benéficos Carnes: evitar carnes vermelhas. Peixes: bacalhau, salmão vermelho, salmão, sardinha, truta. Laticínios: queijo de soja. Frutas: abacaxi, ameixa, cereja, figo, limão, amora, damasco. Verduras: abóbora-moranga, alface romana, acelga, brócolis, cenoura, alcachofra, cebola. Cereais: farinhas de centeio, arroz, soja e aveia, pão de farinha de soja. Outros: alho, molho de soja, missô, melado de cana, gengibre, chá verde, café normal, vinho tinto. Alimentos neutros Carnes: frango e peru Peixes: atum, pescada. Laticínios: iogurte, muçarela, ricota, iogurte com frutas, coalhada, queijo-minas. Frutas: melão, passas, pera, maçã, morango, uva, pêssego, goiaba, kiwi. Verduras: agrião, chicória, milho, beterraba. Cereais: fubá de milho, flocos de milho, cevada.

Outros: açúcar branco, chocolate, alecrim, mostarda (seca), noz-moscada, manjericão, açúcar mascavo, orégano, canela, hortelã, salsa, sálvia. Alimentos nocivos Carnes: bovina, carneiro, cordeiro, pato, porco e derivados, vitela. Peixes: mexilhões, lagostim, salmão defumado, caviar, ostra, lagosta, camarão, caranguejo. Laticínios: creme de leite, sorvete, leite magro e integral, manteiga, requeijão. Frutas: caqui, carambola, coco. Verduras: repolho, tomate, inhame, batata, berinjela, batata-doce. Cereais: creme e germe de trigo, farinha de trigo integral, pão preto, pão integral, farinha branca, granola. Outros: alcaparra, gelatina pura, pimenta em grão, vinagre, cerveja, licor, chá preto, refrigerante. SANGUE DO TIPO B As pessoas com sangue tipo B toleram uma dieta mais variada. Esse é o tipo de sangue que tolera bem laticínios em geral. Alimentos benéficos Carnes: carneiro, cordeiro, coelho Peixes: bacalhau, salmão, linguado, badejo, caviar, sardinha. Laticínios: iogurte, muçarela, coalhada, leite, queijo, ovos, ricota. Frutas: abacaxi, banana, mamão, uva, ameixa fresca. Verduras: batata-doce, cenoura, berinjela, inhame, beterraba, brócolis, couve, repolho. Cereais: arroz integral, aveia integral. Outros: salsa, açafrão, hortelã, pimenta, ginseng, gengibre, sálvia. Alimentos neutros Carnes: carne bovina, peru, vitela. Peixes: arenque, truta, atum, lula. Laticínios: leite de soja, queijo parmesão, queijo de soja, manteiga, requeijão, leite integral. Frutas: morango, laranja, kiwi, passas, pera. Verduras: abóbora, agrião, alface, acelga, aipo, cogumelo, espinafre. Cereais: granola. Outros: café, vinho branco, cerveja, chá preto, chá de amora, hortelã, camomila. Alimentos nocivos, Carnes: frango, pato, porco, presunto Peixes: lagosta, camarão, anchova, caranguejo, polvo, ostra, polvo, mexilhão. Laticínios: queijo fundido e roquefort, sorvete com leite.

 Frutas: caqui, carambola, coco. Verduras: alcachofra, azeitona, tomate, broto de feijão, milho verde. Cereais: farinha de trigo, milho, centeio. Outros: canela, maisena, pimenta branca, pimenta-do-reino, gelatina pura, refrigerante, bebidas destiladas. SANGUE DO TIPO AB – As pessoas com sangue do tipo AB necessitam de uma dieta equilibrada contendo um pouco de tudo. Alimentos benéficos, Carnes: carneiro, coelho, cordeiro e peru. Peixes: atum, bacalhau, cavala, sardinha, garoupa, truta. Laticínios: coalhada, iogurte, muçarela, ricota, queijo cottage. Frutas: abacaxi, ameixa, cereja, figo, limão, kiwi, uva, framboesa. Verduras: aipo, alho, beterraba, berinjela, brócolis, couve-flor, pepino. Cereais: arroz, farinha de centeio, farinha de trigo, aveia. Outros: curry, alho, missô, gengibre, camomila. Alimentos neutros, Carnes: faisão, fígado. Peixes: arenque, linguado, carpa. Laticínios: leite e queijo de soja, leite desnatado, requeijão.Frutas: ameixa seca, pera, passas, mamão, maçã, pêssego. Verduras: broto de bambu, cebolinha, escarola, agrião, vagem. Cereais: cevada, germe de trigo, granola Outros: açafrão, mel, açúcar, melaço, chocolate, vinho. Alimentos nocivos, Carnes: bovina, frango, porco, presunto e vitela Peixes: anchova, camarão, caranguejo, lagosta, linguado, ostra, mexilhão, siri. Laticínios: leite integral, creme de leite, queijo parmesão, brie, provolone, roquefort, manteiga. Frutas: banana, caqui, goiaba, laranja, manga. Verduras: alcachofra, milho verde, nabo, pimentão, rabanete. Cereais: farinha de cevada, de milho, trigo-sarraceno, cereais matinais, amido de milho. Outros: alcaparra, tapioca, vinagre, mel de milho, anis, maisena, malte de cevada, pimenta-do-reino e pimenta vermelha.

—————————————————

MACONHA PODE ADIANTAR O APARECIMENTO DA ESQUIZOFRENIA!

Fumar maconha pode adiantar em quase três anos o aparecimento de esquizofrenia e de outros quadros psicóticos. A conclusão é de uma revisão de 83 estudos científicos já publicados sobre a relação entre o consumo dessa erva e o transtorno.  Os resultados, divulgados no periódico médico “Archives of General Psychiatry”, dão mais munição a pesquisadores que se opõem à liberação da substância ilícita. No total, os pesquisadores das universidades de New South Wales, Austrália, e Emory, EUA, avaliaram dados de mais de 22 mil portadores de distúrbios psicóticos _sendo 8.167 deles usuários de maconha. A doença aparecia em média 2,7 anos (cerca de 32 meses) antes entre quem consumia a erva do que nos membros do grupo-controle. “Acredito que essa relação seja de causa e consequência, e a maconha tem um papel importante [no aparecimento precoce do transtorno] em certas pessoas”, disse o psiquiatra australiano Matthew Large, um dos autores do estudo. Uma hipótese é que pessoas com predisposição genética para esquizofrenia são mais suscetíveis à influência da maconha. Nelas, os quadros psicóticos poderiam ser desencadeados pela alteração na concentração de neurotransmissores como dopamina e serotonina, causada pela droga, o que desregularia o funcionamento cerebral. “Pessoas com histórico familiar de esquizofrenia devem ser instruídas a jamais usar essa droga. Não dá pra arriscar”, diz Hélio Elkis, coordenador do Projeto Esquizofrenia do Hospital das Clínicas de São Paulo. Segundo o psiquiatra, quanto mais cedo aparece a doença, pior o prognóstico. “Se surge na adolescência, o cérebro não teve tempo de se desenvolver completamente.” Isso piora o déficit cognitivo, próprio do transtorno.

—————————————————

É POR ISSO QUE VOCÊ PRECISA DORMIR VIRADO PARA O SEU LADO ESQUERDO !

Quando eu vou para a cama, costumo dormir do meu lado direito. Não há nenhuma razão específica para isso. Acontece que, eu poderia realmente fazer algo bom para mim dormindo do lado oposto. Você pode dormir de várias maneiras e cada uma delas impacta sua saúde. Dormir de barriga para baixo não é bom, se você tem problemas respiratórios. Dormir do lado direito agrava distúrbios digestivos. Então, como devemos dormir? Quando você dorme em seu lado esquerdo, está provavelmente melhorando drasticamente a sua saúde e talvez até mesmo salvando sua vida. A medicina holística chama o lado esquerdo de lado linfático dominante e, quando você dorme nesse lado, seu corpo filtra as toxinas de forma mais eficaz através dos gânglios linfáticos. Dormir do lado direito pode reverter isso, o que aumenta a chance de doenças mortais. Dormir do lado esquerdo faz o seu sistema de eliminação mais forte. E também pode aliviar a azia! Se você tem problemas para dormir no lado esquerdo, considere dormir de costas para uma parede. Um pequeno travesseiro entre você e a parede pode torná-lo mais confortável. Pode levar algum tempo para se acostumar com isso. Você também pode manter uma luz fraca no seu lado direito, fazendo com que seu corpo, naturalmente, queira se afastar dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *