Mesa Redonda debateu o tema: “Museus e histórias controversas, dizer o indizível em museus”

Dentro das atividades da 15ª Semana Nacional de Museus, a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Semc) realizou na manhã de sexta-feira (19), nas dependências do Centro Cultural João Fona (CCJF), a Mesa Redonda, no debate da temática do evento: “Museus e histórias controversas, dizer o indizível em museus”. Na proposta de discutir com diversos seguimentos estratégias socioeducativas a partir do tema geral que consolidem na democratização do espaço. O público-alvo: acadêmicos e estudantes do ensino fundamental e médio. Desse último, dois grupos vieram do município de Belterra (PA).

Da organização da Mesa Redonda, a servidora do CCJF, Naiane Santana, disse que, “o debate foi produtivo na participação dos debatedores, uma vez que a comunidade acadêmica e os estudantes de nível fundamental e médio estiveram ativos a participação da Semana, porque a nossa preocupação é trazê-los cada vez mais ao Centro, sendo que a visitação é mais de pessoas de outros estados/internacionais. A discussão que tivemos hoje será um divisor de águas para trazer a comunidade santarena, e principalmente, a classe estudantil e acadêmica a visitação ao Centro Cultural João Fona”, explicou.

O debatedor e representando a Secretaria Municipal de Educação (Semed), Marcos Gentil, reforçou que o debate proporcionou, “a entender os Museus como espaço de aprendizagem, significa trabalhar no rompimento, e conscientizar de que os espaços são acessíveis,  de aprendizagem, democráticos e livres. E o sistema de ensino vejam os espaços como fonte de conhecimento e de formação comprometida. A exemplo a  mesa de hoje, o qual potencializa o Centro Cultural João Fona, como  pedagógico, fonte de aprendizagem de conhecimento”, especificou.

A professora da Escola Mun. de Ens. Fund. Santo Antônio (Belterra-Pa), Maiara Belo, disse que ao saber das atividades do Centro Cultural não poderia perder a oportunidade junto com os estudantes de participar da atividade tão rica e necessária. “Viemos ao município vizinho, na finalidade de reforçar, a disciplina de estudos amazônicos, o interesse cultural, visto nos livros/sala de aula e vivenciar isso no concreto,  na prática”, explicou.

A estudante da Escola Santo Antônio (Belterra-PA), Lívia Brito, disse que foi a primeira vez que esteve em lugar diferente e interessante. “Aqui jorra conhecimento cultural, o debate aprendi muito, quanto estar atenta ao nosso futuro, mas também ao nosso passado, por meio da arte, da história. É magnífica a perfeição das cerâmicas, cada detalhe, e eu saio satisfeita daqui e levarei o conhecimento a outros da minha cidade”. Elogiou.

Participaram ainda da Mesa Redonda, o secretário municipal de cultura, Luis Alberto Figueira, o doutor/professor em Licenciatura comparada, Francisco Edson Oliveira e o professor de sociologia, Luiz Campos.

E neste sábado encerram as atividades da 15ª Semana de Museus, no Centro Cultural João Fona, a partir das 18 horas. Na programação, diferentes atividades, entre, estão: de homenagens a 06 cidadãos, que vivenciaram as mudanças e desenvolvem atividades nas proximidades do Centro Cultural João Fona (CCJF), e guardam momentos históricos em suas memórias.

Programação

20/5 (SÁBADO)

18h–Cerimônia de Encerramento da 15ª Semana de Museus

Local: Centro Cultural João Fona

-Homenageados

-Entrega de Certificados

Coquetel de Encerramento

Grupo de Dança do Colégio Dom Amando (C.D.A.)

20h-Apresentação Cultural (Banda do 8º Bec)

-Exposição Fotográfica retratando o cenário Municipal, Ontem e Hoje (exposição coletiva)

-Exposição I Mostra de Pintura João Fona (exposição coletiva)

Fonte: RG 15/O Impacto e CCOM/PMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *