Fazendeiro investigado na morte do prefeito de Tucuruí é assassinado com cinco tiros

Um fazendeiro foi executado a tiros na noite desta quarta-feira (22), na rodovia BR-422, próximo ao município de Tucuruí, no sudeste pararense. A vítima, identificada como José David de Lucas, de 76 anos, era muito conhecida na região e foi assassinado a tiros enquanto dirigia pela estrada. Uma das hipóteses levantadas pela polícia é a de que o crime tenha sido queima de arquivo, já que José Davi estava sendo investigado por envolvimento no assassinato do prefeito da cidade, Jones William, em julho deste ano.

O crime ocorreu por volta das 22h30. O carro do fazendeiro foi encontrado capotado ao lado da pista, apoiado em um poste de energia, com a vítima já morta dentro do veículo. O caso foi inicialmente tratado como um acidente de trânsito, mas após a chegada da polícia militar, foram encontradas as marcas de bala no veículo e no corpo do fazendeiro.

Segundo as primeiras informações levantadas pela polícia, José David voltava para casa, localizada na Vila Permanente, dirigindo o próprio carro, quando dois homens de moto o perseguiram e dispararam diversas vezes contra ele, acertando cinco tiros. Baleado, José David perdeu o controle do veículo, batendo no canteiro central da rodovia e capotando em seguida.

A área foi isolada até a chegada de equipes do Instituto Médico Legal (IML), que fizeram a remoção do corpo para o Centro de Perícias Renato Chaves em Tucuruí. Equipes da Divisão de Homicídios de Belém seguem até o município para auxiliar nas investigações.

A morte do fazendeiro ocorreu um dia depois da prisão de Bruno Marcos, suspeito de executar o prefeito, capturado em Belém.

Ainda não há informações sobre os autores dos disparos.

Fonte: DOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *