Coluna Impacto Ed. 1171

QUEBRA DO REGIMENTO INTERNO
A Câmara Municipal de Santarém quebra O Regimento e antecipa a sessão honorífica. De acordo com o Regimento da Casa, no final do ano, em sessão solene, o Poder Legislativo Santareno presta homenagem às pessoas devidamente escolhidas, com a entrega dos títulos de Honra ao Mérito e Cidadão de Santarém. Na atual legislatura, várias homenagens já foram feitas, inclusive com a entrega de diplomas. Perguntar não ofende: O Regimento permite isso? Na terça-feira (07), atendendo requerimento do vereador André do Raio-X houve a entrega de diplomas para pessoas que trabalham na área da Radiologia.


EXEMPLO A SER SEGUIDO
É de se elogiar a atitude do prefeito Nélio Aguiar que mandou exonerar um servidor que atuava na portaria do Pronto Socorro Municipal de Santarém, que agrediu um cidadão que estava acompanhando sua esposa que estava em trabalho de parto. O cidadão chegou com sua esposa no PSM, no sábado (04) pela manhã. Ela passou pela porta que dá acesso ao setor de obstetrícia, mas servidores não permitiram a entrada do acompanhante. De acordo com testemunhas, Ronei argumentou que a esposa tinha direito de ter um acompanhante e que isso estava assegurado na Lei nº 11.108/2005. Para registrar a situação, ele pegou o celular e começou a filmar. Então, um porteiro do PSM o agrediu com socos, que fizeram sangrar se nariz. O caso foi registrado na Seccional de Polícia Civil. Esse exemplo deveria ser seguido em outras repartições públicas e instituições bancárias, onde a população e tratada como animal.


FECHAMENTO DO MERCADÃO 2000
Visando a melhoria da saúde pública e a segurança alimentar, o complexo do Mercadão 2000, principal Feira livre de Santarém, situada no bairro de Fátima, será fechado nesse final de semana para dedetização programada. O fechamento ocorrerá das 14h deste sábado, dia 11, até 07h do dia 13 de novembro (segunda-feira). Nesse sentido, as atividades das bancas de frutas, alimentação, minishoppings, boxes de pescado e bancas em geral serão suspensas temporariamente. A higienização tem como objetivo o controle de pragas. Uma vez realizada, produtores e consumidores que frequentam o complexo estarão longe dos riscos de contaminação. A ação conta com o apoio dos vendedores que atuam no local.


COSANPA
O péssimo serviço prestado pela Cosanpa em Santarém, com constantes falta de água em vários bairros, fez com que o vereador Sílvio Amorim, em contato com a coluna, reforçasse a ideia de que a companhia perca a concessão no Município, sendo que há uma ação no Ministério Público Estadual contra a empresa. Outra denúncia séria feita pelo Vereador, é que a Cosanpa está usando tubos de amianto em suas obras, que são prejudiciais à saúde humana. O caso é sério e deve ser investigado pelo Ministério Público e por órgãos ligados à saúde, pois vidas de pessoas correm perigo.


EXTINÇÃO DO BASA
O Banco da Amazônia, em seus 75 anos de existência, consagrou-se como principal agente de fomento do Governo Federal na região. É a maior instituição financeira da Amazônia, presente em todos os Estados, facilitando a vida de produtores que necessitam de crédito. No entanto, se depender da Fundação Getúlio Vargas, que montou o Observatório das Estatais, todo esse patrimônio da população amazônica pode se diluir e ir para o burocrático Banco do Brasil.
Levantamento detalhado em elaboração na Fundação indica que, das 151 empresas estatais controladas pelo Governo Federal, pelo menos a metade poderia ser privatizada, cinco incorporadas e três terem as suas funções reduzidas. O Banco da Amazônia e o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) aparecem no estudo como passíveis de serem incorporados ao Banco do Brasil.

EXTINÇÃO DO BASA 2
Apesar de não ter sido oficializado por nenhuma autoridade do Governo, a possível extinção do Banco da Amazônia e do BNB já toma conta de conversas de corredores e bastidores no Congresso Nacional. O estudo da Fundação Getúlio Vargas vem sendo conduzido pelo Observatório das Estatais, montado há um ano sob a coordenação dos economistas Márcio Holland e Valdir Simão, ex-ministro do Planejamento, que, apesar de acharem que a privatização está no rumo certo, não pode ter como justificativa principal resolver problemas de caixa do Governo.


DESRESPEITO
Mais de três meses depois que 9 pessoas desapareceram no naufrágio da balsa da empresa Bertolini, que aconteceu no dia 02 de agosto, só agora que um navio que fará a retirada do rebocador está se deslocando para o local da tragédia. A previsão da secretaria de segurança pública do estado do Pará, que acompanha o plano de salvatagem, é de que o navio chegue à área onde o rebocador afundou entre os dias 11 e 13 de novembro. Mas, a operação só deve começar por volta do dia 23. Ou seja, isso é um desrespeito com o ser humano.


IMPACTANDO

A coluna ficou sabendo que o vice-governador do Estado, Zequinha Marinho, deverá ser candidato a Senador nas eleições de 2018. Com isso, três nomes já estão certos para concorrer ao Senado: Jader Barbalho, Simão Jatene e Zequinha Marinho. * Por falar em Senado, no próximo dia 20 de novembro a Câmara Municipal de Santarém receberá o Curso “INTERLEGIS” oferecido pelo Senado Federal, que trata sobre o programa de modernização legislativa, pesquisas de opinião pública e ações comunitárias. Essas ferramentas serão oferecidas de forma gratuita, que capacita os servidores e todos aqueles que fazem parte do processo legislativo. * A coordenação do Fórum Municipal de Educação de Santarém realizará uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (10), às 10h, na Escola do Parque, sobre a VI Conferência Santarena de Educação, que será um espaço de debates, que reunirá pessoas da sociedade civil e profissionais da educação dos diversos níveis e modalidades (ensino fundamental, médio, superior e profissionalizante) para Monitoramento e Avaliação do Plano Municipal de Educação. * A polêmica sobre a área invadida no Juá, onde mais de 2 mil famílias já se instalaram ainda dará o que falar, pois a Celpa, vendo que estavam roubando energia direto naquele local, decidiu colocar postes em alguns pontos. Aqui vai a pergunta: Será que essas famílias vão ser despejadas desse local pacificamente? O caso é sério e nossas autoridades devem analisar essa situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *