Coluna Impacto Ed. 1184

CAPITANIA FLUVIAL DE SANTARÉM
A Capitania Fluvial de Santarém, na pessoa do seu recém-empossado Comandante, Capitão de Fragata Robson Ferreira (na foto com Rafael Duarte), motivadamente convidou a redação do jornal O Impacto para fazer uma visita à sua sede, a fim de aproximar a população dos trabalhos desenvolvidos pela mesma. O Comandante apresentou parte da rotina da Capitania, bem como deixou o convite para as comemorações do Centenário da Marinha em Santarém, que será comemorado neste dia 20 de fevereiro. A Capitania Fluvial de Santarém possui serviço de Inspeção Naval vinte e quatro horas por dia e realiza fiscalização diária em períodos aleatórios; serviço destinado a prover a Segurança da Navegação, Salvaguarda da vida humana e prevenção à poluição hídrica. A Capitania está acessível à população pelo telefone 185.

GOLPE PELO WHATSAPP
O Detran está alertando os usuários sobre um novo golpe que é realizado por estelionatários, através do aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp. Segundo o Detran, estelionatários estão se passando por servidores do órgão, prometendo acesso a serviços irregulares, como venda de veículos arrematados em leilão por um preço abaixo do valor de mercado ou até retiradas de multas do prontuário do condutor ou proprietário do veículo. O Detran está alertando aos usuários que só aceitem ou peçam informações para servidores do órgão, devidamente identificados. As pessoas que caírem nesse golpe devem acionar imediatamente a Polícia Civil, para registrar Boletim de Ocorrência.

GERENCIAMENTO DO HMS E UPA
A empresa Instituto Panamericano de Gestão (IPG), da cidade de Goiânia (GO), foi a Organização Social (OS) que ganhou a licitação para gerenciar o Hospital Municipal de Santarém (HMS) e a UPA 24 Horas. O anúncio foi feito pela Secretaria Municipal de Saúde) de Santarém (Semsa), na terça-feira, dia 06 e a chamada foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE). Segundo informações, a empresa (OS) já foi convocada para assinar o contrato com a Prefeitura de Santarém.

VIOLÊNCIA EM CURUÁ
Denúncia encaminhada à Coluna fala que a população curuaense está vivendo um clima de pânico e terror. A violência está proliferada nos quatro cantos da cidade. Todos os dias, à luz do dia e às barbas das autoridades, um grande número de pessoas são vítimas da ação de assaltos, furtos, roubos, arrombamentos em residências e nos estabelecimentos comerciais. Como se não bastasse a onda de criminalidade alarmante desencadeada pela droga, virou moda, também, bandidos armados saírem atirando nas pessoas e nas residências, causando um verdadeiro horror e terrorismo. Vale informar, que há muito tempo o município de Curuá está desprovido de Delegado. A Polícia Militar, apesar de ser bastante atuante, não consegue conter a ação dos meliantes, pois seu contingente é pequeno, deixando os cidadãos de bem impotentes e à mercê da própria sorte.

CÍRIO 100 E CRISTOVAL
Aconteceu ontem, quinta-feira, 8 de fevereiro, o Momento Mariano que dá início às atividades para marcar o Círio 100 de Nossa Senhora da Conceição. Ressaltando que pela manhã teve caminhada e panfletagem no Centro Comercial de Santarém, e à tarde uma carreata anunciou o Círio 100 e o Cristoval 2018. Após a carreata houve missa campal na Praça da Matriz, presidida pelo bispo Dom Flávio Giovenale. Ao final da celebração, foi apresentado o Cartaz Oficial do Círio de nº 100.

POLUIÇÃO SONORA
Para combater a poluição sonora no centro comercial de Santarém, a Semma iniciou intervenções com equipe do Ciam na terça-feira (06). De loja em loja, os técnicos realizam a distribuição de material informativo como folder e adesivos que dispõem de orientações sobre os males causados à saúde por conta do volume em excesso produzido por aparelhos de som amplificados, comumente utilizados para propaganda. As atividades de educação ambiental no centro comercial de Santarém vão se estender até esta sexta-feira (9) quando 33 pontos críticos, mapeados pelo CDL, serão visitados pelos técnicos ambientais. A iniciativa faz parte de demanda do MPE que vem recebendo denúncias sobre a poluição sonora no Centro de Santarém.

MULTA
A loja Giovana Calçados, do Rio Tapajós Shopping, recebeu uma multa de mais de R$ 44 mil do Procon de Santarém. No dia 26 de outubro do ano passado, a loja se recusou a realizar a troca de um chinelo, mesmo a mercadoria tendo a etiqueta da própria sapataria autorizando o consumidor a fazê-la. A Giovanna Calçados já foi notificada e deverá realizar o pagamento da multa dentro do prazo legal estabelecido. O não pagamento da multa colocará o nome do estabelecimento no rol dos devedores que estão na Dívida Ativa do Município. Isso deve servir de exemplo para outras lojas que se negam a fazer a troca de produtos.

PRODUTOS APREENDIDOS
Uma operação do Ibama, Semma, Adepará, Vigilância Sanitária e Polícia Militar, na última segunda-feira (05), apreendeu mais de 15 mil quilos de produtos ilegais em um frigorífico clandestino na comunidade de Mararu, em Santarém. Entre os produtos apreendidos estão, camarão salgado, camarão fresco, caranguejo, poupa de caranguejo, pirarucu salgado e avium. Todos sem inspeção sanitária e sem nota fiscal. Os produtos foram enterrados, pois podiam causar intoxicação alimentar às pessoas.


IMPACTANDO

Vereador Ronan Liberal Jr. cobrou melhor atenção à situação das ruas de Santarém, principalmente nos bairros afastados do centro comercial nesse período chuvoso, onde algumas delas ficam até intrafegáveis. * Este ano, o tradicional Bloco da Camisinha, que abre na avenida o carnaval Santareno, não irá participar, por falta de recursos. No ano passado foram confeccionados 600 abadás para serem distribuídos aos brincantes do bloco. * Há 19 anos o bloco desce a avenida nos dias de carnaval, sob o comando do CTA em parceria com a Semsa. O “Bloco da Camisinha” foi criado com o objetivo de conscientizar os brincantes a se protegerem das doenças sexualmente transmissíveis durante o período de folia. * Porém, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), através do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), vai fortalecer as ações de prevenção contra as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s), durante o período carnavalesco. Para isso, o CTA irá realizar várias atividades, com destaque à prevenção, através de testes rápidos de HIV/Sífilis e hepatites B e C, antes, durante e após o carnaval. * Em encontro realizado na quarta-feira (7), entre a Semma e Semap, em conjunto com o Ipam, ficou definido que ao longo de 2018 devem ser realizadas fiscalizações na região do Ituquí, a fim de combater a pesca predatória. * Um bom carnaval a todos os leitores da Coluna. Não esquecendo: se beber, não dirija!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *