Guarda Portuária da CDP apreende carga de cigarros contrabandeados

Segundo informações, os agentes da Guarda Portuária da CDP, desconfiaram quando ao verificarem na nota fiscal, constava que o material armazenado em caixas de papelão tratava-se de camarão, fato incomum, pois para esse tipo de mercadoria, geralmente se faz o transporte em caixas de isopor.

Ao abrirem as caixas de papelão, que teria como destino a cidade de Manaus, os guardas se depararam com 4.800 maços de cigarros importados. Em ato contínuo, foi acionado a Receita Federal, que juntamente com a PF irá apurar a origem da mercadoria, cuja comercialização é proibida no Brasil.

RG / O Impacto

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *