Situação das PAs causa prejuízos à produção da região

 As rodovias estaduais que ligam a margem esquerda das cidades do Oeste do Pará apresentam situação parecida. A falta de conservação. Tanto a PA 255 que liga Santana do Tapará, como a 254, que se estende de Prainha até Oriximiná, estão quase intrafegáveis. O mesmo trecho que antes era percorrido em uma hora, agora são necessárias 4 horas. Sem falar nos prejuízos aos donos de carros que se atrevem a enfrentar as estradas.

A produção agrícola na região é grande, mas os custos dos produtos com transporte inviabilizam a comercialização. Daquela região saem produtos que abastecem em grande parte, os mercados de Macapá, Manaus e Santarém.

Agricultores daquela região estão se mobilizando, para em caravana, vir até Santarém, durante a instalação do governo itinerante, pra pedir investimentos na recuperação dos acessos.

Da redação

Um comentário em “Situação das PAs causa prejuízos à produção da região

  • 7 de junho de 2011 em 07:43
    Permalink

    O estado do Pará é um ninho de beija-flor constantemente atacado por aves de rapina que são esses políticos sem escrúpulos que só querem enriquecer ás custas dos cofres públicos e nada fazem em benefício do nosso tão lindo estado, temos capacidade de ser auto-sufuciente em TUDO, ter boas estradas, qualidade de vida pro nosso povo, mas aqueles políticos de “brio” que existiram no passado ! estão todos mortos, e os espíritos se foram para o além, só ficando aqui, a escória do submundo da ganãncia e da corrupção…..

    Resposta
  • 6 de junho de 2011 em 20:18
    Permalink

    Por isso a branquinha ta cara

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *