Vereadores e populares trocam acusações na Câmara de Itaituba

Tumulto na Câmara de Itaituba

Quando as mulheres estão “naqueles dias” e mudam bruscamente de comportamento, elas estão com Tensão Pré Menstrual (TPM). Na política de Itaituba com a abertura oficial da temporada de caça aos votos, entramos hoje, quarta-feira, dia 14, também na chamada TPM (Tensão Pré Eleitoral).

Na sessão ordinária desta quarta-feira, na Câmara de Itaituba, o Regimento Interno foi às favas, valeu de tudo, inclusive a sessão não conseguiu chegar ao seu tempo normal em face do tumulto e confusão generalizada envolvendo plenária e vereadores. Cada Vereador falou a seu bel-prazer ignorando os 10 minutos regulamentares da Tribuna.

A temperatura se elevou quando o Vereador de oposição César Aguiar disse, na tribuna, que o governo do prefeito Valmir Clímaco é uma gestão de incompetência e do improviso, já que não existe nenhuma obra que tenha sido planejada e executada por ele, mas sim apenas obras que existiram ainda na gestão do ex-prefeito Roselito Soares.

César Aguiar usou em sua expressão uma figura de linguagem dizendo que Valmir Clímaco pegou tudo pronto. “O peixe já pescado, temperado e que o atual Prefeito só apertou o botão para acender o fogo”.

Já o líder de governo, vereador Peninha, acusou o ex-prefeito Roselito Soares de ter deixado dívidas, obras incompletas, convênios mal feitos, cobrando o direito da folha de pagamento, relembrando que no bairro da Floresta não havia asfalto e que o atual Prefeito está pavimentando todas as ruas.

Mas o ápice da confusão se deu quando em dado momento o vereador Peninha estava discursando e os ex-funcionários municipais: Kátia, Patrícia e Josué que trabalharam na gestão de Roselito Soares, foram chamados de “bezerros desmamados”, porque estavam segundo Peninha, bagunçando em plenário.

Daí seguiu-se um bate boca interminável que acabou atrapalhando a leitura dos requerimentos a serem aprovados. Usando do bom senso, já que poderia haver até mesmo agressão física, o presidente da Câmara, vereador João Bastos Rodrigues, encerrou a sessão antes do tempo previsto.

Por: Nazareno Santos

Um comentário em “Vereadores e populares trocam acusações na Câmara de Itaituba

  • 18 de setembro de 2011 em 20:29
    Permalink

    O PREFEITO DE ITAITUBA NÃO APOIA A EMANCIPAÇÃO DO ESTADO DO TAPAJÓS, O JUDAS DE NOSSOS SONHOS.

    Prefeito de Itaituba em baixa com o movimento.
    O prefeito Walmir Clímaco está em déficit com o Tapajós, esta é a avaliação que obteve conversando com vários prefeitos da região durante a inauguração do comitê em ruropolis. Embora tenha sido convidado para as inaugurações e divulgação em municípios vizinhos o prefeito não teria comparecido a maioria dos compromissos. Os colegas prefeitos alegam que Walmir não estaria envolvido da mesma forma que eles no movimento, prova disso é que a inauguração do comitê de Itaituba já foi adiada por duas vezes.
    Os lideres do movimento em Santarém também estão rescendidos dizem que os 30 mil reais doados pelo prefeito ao movimento ainda não chegou aos cofres da coordenação. Aqui em Itaituba o coordenador do movimento Patrick Souza, também se reclama da mesma situação, diz que tanto a prefeitura como a câmara cruzaram os braços e não estão dando apoio logístico e muito menos financeiro. O coordenador geral do movimento professor Edvaldo Bernardes, já teria dito ate que iria confeccionar uma nota de repudio aos políticos de Itaituba que não estão colaborando com o movimento.

    A inauguração do comitê itaitubense estaria marcada para a próxima semana, mas ouvi alguns prefeitos dizer que não virão a Itaituba como forma de protesto pela ausência de Walmir em outros encontros. O fato é que Itaituba uma das maiores cidades do novo estado não pode ficar atrás de municípios pequenos como Rurópolis que fez uma grande festa. Alguns dizem que o prefeito de Itaituba não estaria fazendo campanha por que não quer perder o apoio do governador Jatene. Mais algumas situações são compreensíveis já que vivemos numa democracia e nem todo mundo é obrigado a ser a favor do Tapajós.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *