Raio mata criança de doze anos em Novo Progresso

Raio mata criança de doze anos

Durante uma chuva ocorrida na tarde de sexta-feira, dia 30/09, por volta da 16h30min horas, na cidade de Novo Progresso, um raio atingiu uma criança de doze anos que brincava com colegas no bairro Jucelândia, na periferia da cidade.

O pai da vítima, senhor Erasmo Santos, informou à reportagem, que seu filho saiu de bicicleta com outros colegas para brincar bem antes da chuva e no momento da tempestade a bicicleta estava no chão. Quando seu filho Erasmo Junior Santos foi pegar a bicicleta, o raio o atingiu. Com relato dos colegas, a criança caiu desacordada debruçada ao chão.

Os colegas imediatamente chamaram os pais da criança e iniciaram procedimentos de reanimação, porém, devido à gravidade da situação, Erasmo Junior Santos não resistiu e morreu antes mesmo da chegada ao Hospital Municipal de Novo Progresso. 

Erasmo Junior era filho de Erasmo Santos e Orlanda Santos e, cursava a 5° Série da Escola João Carlos Batista.

 

OS RAIOS:

Os raios podem atingir as pessoas direta ou indiretamente, porém, a chance de ser atingido por um raio é algo em torno de um para um milhão. A maioria das mortes e ferimentos não acontece devido à incidência direta de um raio. Na verdade, são efeitos indiretos associados à proximidade do raio ou por efeitos secundários.

A corrente do raio pode causar sérias queimaduras e outros danos ao coração, pulmões, sistema nervoso central e outras partes do corpo, através do aquecimento e uma variedade de reações eletroquímicas.
A extensão do dano depende da intensidade da corrente, das partes do corpo afetadas, das condições físicas da vítima e das condições específicas do incidente.Cerca de 20 a 30% das vítimas de raios morrem, a maioria delas por parada cardíaca e respiratória, e cerca de 70% dos sobreviventes sofrem devido às sérias seqüelas psicológicas e orgânicas, por um longo tempo. As seqüelas mais comuns são diminuição ou perda de memória, diminuição da capacidade de concentração e distúrbio do sono.
No Brasil, estima-se que aproximadamente 100 pessoas morrem por ano atingidas pelos raios.

Fonte: RG 15/O Impacto e Folha do Progresso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *