Frente Pró-Tapajós define estratégias de campanha

Deputado Lira Maia reuniu com membros do Comitê

Membros de comitês municipais Pró-Tapajós e lideranças populares de Santarém, além de presidentes de sindicatos, associações e empresários, participaram ontem, terça-feira (04/10) de uma reunião convocada pela Frente Pró-Tapajós (criada no dia 12 de setembro) para discutir a campanha pelo SIM no plebiscito a ser realizado em dezembro e que decidirá se a população paraense aceita a criação dos estados do Tapajós e do Carajás, a partir do território atual do Pará. 

Na ocasião, foram discutidos os rumos da campanha nas cidades que irão compor o estado do Tapajós e também as articulações que deverão ser feitas em Belém.

O presidente da Frente, deputado Lira Maia (DEM-PA) falou sobre o processo de animação da campanha e explicou que essa é uma campanha diferente que não tem patrocínio e, portanto, é totalmente voluntária, já que a eleição gira em torno de uma causa e não de um candidato. “A campanha está fria porque é diferente das outras, mas é o povo que tem que aquecê-la – disse o deputado – para isso é preciso ter atitude e bons argumentos”, concluiu. 

Durante a reunião, foi aberto espaço para que as pessoas que estão diretamente envolvidas na campanha fizessem uma avaliação da mobilização e dessem sugestões. Francisco Lopes, o “Chicão”, membro da Frente, sugeriu que os comitês de Santarém se reorganizem, para levar mais informações aos moradores. Luis Azevedo, presidente de um dos comitês Pró-Tapajós locais, sugeriu indicar um grupo de pessoas de Santarém para trabalhar em Belém. Já Rogélio Cebuliski, o “Gaúcho”, liderança, disse que Santarém deve dar maior visibilidade à campanha. 

Outro que se pronunciou na reunião foi Orlando Pereira, um dos mais antigos integrantes do movimento. Para ele, “é preciso levar mais informação para os moradores das áreas rurais dos municípios”. Já o vereador Henderson Pinto (DEM) disse que “precisamos estimular a população de Belém, que apóia nossa luta, a entrar nesta campanha”. 

Na próxima semana, Socorro Pena e Olavo das Neves, que compõem a comissão de marketing e captação de recursos, vão até Marabá, para reunir com o marketeiro Duda Mendonça. Na ocasião irá apresentar a nova arte da campanha

Ao final do encontro, os participantes do evento saíram convictos de que é possível vencer o plebiscito se a população incorporar a campanha e participar ativamente, buscando informações e convencendo outras pessoas. A Frente Pró-Tapajós funciona na Avenida Mendonça Furtado nº 2538 quase canto com a Travessa Assis de Vasconcelos, em horário comercial. 

Fonte: RG 15/O Impacto

 

3 comentários em “Frente Pró-Tapajós define estratégias de campanha

  • 4 de novembro de 2011 em 08:52
    Permalink

    Já se começa mal a criação do estado do Tapajos cadê os representantes das outras cidades que fazen parte do novo estado vai ficar como Pará só belém aparecia no Pará agora só Santarém vai aparecer no Tapajós isso só vai beneficiar os politicos coruptos nas vagas na camara no senado mas uma vaga de governador e por ai afora….está mundo bom…. e esse chamado de politica e o povo só tomando ……

    Resposta
  • 6 de outubro de 2011 em 14:20
    Permalink

    NOSSA LUTA PELA EMANCIPAÇÃO DO OESTE DO PARÁ REMONTA A ÉPOCA DO IMPÉRIO, MAS HOJE PODEMOS VER MUITOS OPORTUNISTAS PEGANDO CARONA NA IMINÊNCIA DO PLEBISCITO, COM CERTEZA DE OLHOS GORDOS NAS 8 VAGAS PARA CÂMARA FEDERAL, 03 VAGAS PARA O SENADO, MAIS A ASSEMBLÉIA ESTADUAL E O MAIS COBIÇADO DE TODOS: O CARGO DE GOVERNADOR DO TAPAJÓS! ABRE O OLHO POVO SANTARENO, POIS PARA OS POLÍTICOS OS GANHOS SÃO IMEDIATOS, MAS PARA A POPULAÇÃO SERÃO DÉCADAS DE ESPERA PELA FRENTE!

    Resposta
  • 5 de outubro de 2011 em 16:12
    Permalink

    VAMOS TODOS JUNTOS,PRA FRENTE TAPAJÓS.
    DIGA SIM 77

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *