Vereador declara guerra à Secretaria de Segurança Cidadã

Gerlande Castro criticou secretário Luiz Alberto

O vereador Gerlande Corrêa Castro (PSD), na Tribuna da Câmara Municipal de Santarém, na manhã dessa segunda-feira, desabafou contra a atitude tomada, segundo ele, pela Secretaria Municipal de Segurança Cidadão, que demitiu uma funcionária, por ele indicada, uma semana depois que deixou o PP e filiou-se ao PSD. Gerlande falou nestes termos:

“Todos os dias nós convivemos com a violência. Seja a doméstica, seja nas ruas, nas escolas, no trânsito e até no futebol.

A violência ceifa vidas, lota os hospitais, entristece as famílias, aniquila lares e amizades.

Nós políticos, temos o dever de propor medidas que atenuem a violência. Não temos soluções mágicas, mas se cada um de nós contribuirmos com uma palavra de conforto, com uma palavra de negociação, de perdão, quem sabe, esse ódio coletivo que nos assusta ceder lugar ao entendimento, ao convívio harmonioso entre os seres humanos.

Em Santarém, temos uma Secretaria de Segurança Cidadã. O que esperar dela? Ações positivas, ações que diminuam a dor, o sofrimento das famílias, que aumentem o conforto para aqueles que são desabrigados pelas ocorrências climáticas. 

Mas acima de tudo, segurança cidadã tem que ser exercitada por seus dirigentes. O uso da força política, infelizmente, substitui a força policial, que em todos os casos, deve ser empregada com comedimento, quando todas as formas de diálogo forem esgotadas.

O uso da força política amesquinha os princípios da impessoalidade da administração pública.

É inconcebível que uma Secretaria de Segurança Cidadã adote práticas violentas: a perseguição política.

È o que estamos assistindo, estarrecidos, o uso de mecanismo repressores em cima de pobres servidores indefesos, que quando não rezam mais pela cartilha política do chefe, são colocados no olho da rua, sem dó nem piedade.

È triste e revoltante saber que em Santarém, onde se esperava uma atuação competente da Secretaria de Segurança Cidadã essa se preste a adotar práticas nazistas de fazer política pelo uso do assédio moral.

É uma realidade que está a nossa porta. Infelizmente, caros vereadores, esse tipo de violência nos atinge, também”, desabafa o vereador Gerlande Castro.

Fonte: RG 15/O Impaco e Ascom/Câmara

8 comentários em “Vereador declara guerra à Secretaria de Segurança Cidadã

  • 25 de outubro de 2011 em 01:48
    Permalink

    Essa galera que vai de encontro o que o Vereador Gerlande falou, São uns bandos de baba ovo, que estão com medo de perder o emprego miseravel que ganharam, do secretario fracassado que e o Luiz Alberto, esse ai não ganha nem pra presidente de bairro…

    Resposta
  • 20 de outubro de 2011 em 08:19
    Permalink

    politica e isso vomitos para cá, falacias para lá enquanto muitos perdem tempo falando uns das vidas dos outro e só olhar para o secretério luis Alberto e ver qué hojé a casa que servia de moradia e escolinha da sua esposa esta alugada para a PMS por oito mil reais, fora se for feito uma cpi nos nomes que estão hojé recebendo na secretaria do qual e gestor veram os laranjas que emprestaram seus nomes diz ai PAULO de JESUs!, ea casa de alter do chão de dois pavimentos , toda no blindes sera que um salário de secretário da pra tudo isso , eo vereador GERLANDI que andava de bicicleta e agora anda de l-200 ano 2010 completa e possui uma fazenda na região do lago grande , dessa ves o bairro do caranazal não acredita mais em vcs estaremos com a secretaria educação LUCINEIDE do PT aguardem a pisa nas urnas.

    Resposta
  • 18 de outubro de 2011 em 21:41
    Permalink

    nem jesus se livrou da traiçõa. te coloca no teu lugar judas.
    vai procurar o que fazer ja es muito cidadão como tu fala e esquece que eleiçõa tu não ganha nunca mas. mas estudas primeiro o carrequinha esta te esperando kkkkkkkk.

    Resposta
  • 18 de outubro de 2011 em 16:04
    Permalink

    Pô, gegê, te manca cara! passa óleo de peroba nessa tua fuça… logo tú, vira-casaca… cospe no prato que come e vome o próprio vômito e ainda vem sujar o psd em Santarém… ´pobre Kassab… te cuida que o cabença donça e o piraquara estão te esperando ano que vem… com chumbo grosso, cara tu não tem nem o primário e vem com esse discurso fajuto e mal pago… vai estudar no Carequinha, carequinha!

    Resposta
  • 18 de outubro de 2011 em 08:27
    Permalink

    Aqui nada funciona,não adianta lutar,terra sem dono isso que é Santarem…….

    Resposta
  • 18 de outubro de 2011 em 00:10
    Permalink

    Ei Gerlande, te manca cabra safado!

    Tu falando em perseguição? É muita cara de pau de tua parte, e de traição tu não fala nada não?

    O que tua acha que merece um cafajeste que era um \”ze ninguém\” e conseguiu ser vereador pelas mãos de um amigo e na primeira oportunidade trai este amigo?

    Quer dizer que tu trai, engana e ainda quer ser bajulado? Se tu traiu e se bandeou para outro lado agora arruma emprego para esta \”pobre trabalhadora\” que é tua protegida.

    É assim mesmo, como o velho ditado diz: \”Freira que foge fala mal do convento\”, que me desculpem as freiras por compara-las a este pilantra traidor.

    Resposta
  • 17 de outubro de 2011 em 20:56
    Permalink

    O nobre edil se enche de propriedade para fazer acusaçoes vazias e sem credibilidade, afinal a sociedade sabe muito bem quem pratica atos nazitas como ele diz, seu despreparo e tanto que nao sabe o que fala, perseguição e extorsao e o que ele tem praticado ao longo de seu mandato fracassado quando demitiu todos os funcionarios de seu gabinete que eram indicaçoes do partido, pessoas que ajudaram a elege-lo inclusive num gesto de pura falta de respeito demitiu o professor antonio pereira que era funcionario da casa a mais de 10 anos, homem que contribui muito com a historia de Santarem, pessoa honrrada, decente, de uma moral e de uma etica inquestionavel, alias, coisas que esse vereador passageiro nao tem, isso sim e perseguiçao, se voltar contra todos que o ajudaram na sua eleiçao, esse rapaz e ingrato, falastrao e imcompetente, gostaria de saber qual foi o projeto que este parlamentar fez ate hoje em prol da sociedade santarena? alem de seu projeto pessoal que foi o aumento de seu patrimonio; e usar a tribuna da camara para falar besteiras, acretido que a sociedade nao aprova um parlamentar que se diz representante do povo usar seu tempo para falar besteiras e ficar fazendo picuinhas,esse e o preco que pagamos pela escolha errada de possoas para nos representar temos que ficar assistindo a estes despreparados e incompetentes por quatro anos de nossas vidas.

    Resposta
  • 17 de outubro de 2011 em 19:45
    Permalink

    Peseguição politica e abuso de poder..

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *