Vergonha: Pesquisa aponta Itaituba com 12% de analfabetos

Prefeita Eliene Nunes, que é professora, mostra o descaso com a educação do Município, como mostra o gráfico
Prefeita Eliene Nunes, que é professora, mostra o descaso com a educação do Município, como mostra o gráfico

Numa cidade aonde a atual prefeita Eliene Nunes é professora e foi Secretária de Educação por dois mandatos na gestão do ex-prefeito Roselito Soares, a notícia soa como um contrasenso.

Um relatório exibido pelo Ministério de Planejamento no decorrer de uma oficina para debater as perspectivas do futuro do Tapajós mostrou um cenário nada animador com números que preocupam. Os números mostram que 12,5% da população do município Itaituba, no Oeste do Pará, é analfabeta, quando também este mesmo índice, 12,5%, é registrado no município de Aveiro.

O município de Itaituba só fica à frente de Rurópolis, aonde o índice de analfabetismo é de 16,2%; e no Trairão o índice chega a 17,8%. O pior índice de analfabetismo é de Jacareacanga, com 25,9% e o Município com o menor índice é Novo Progresso, com 8,1%. Em termos de pobreza o município de Aveiro é o que apresentou a maior taxa de extrema pobreza, com 50,1%. Seguido de Jacareacanga que tem um índice de 37,4%. Itaituba tem 14,2%; Rurópolis, 25,3%; Trairão, 22,1% e Novo Progresso, 25,1%.

O relatório ainda revela um dado que demonstra que os municípios da região pouco tem avançado no seu desenvolvimento, já que Aveiro, Jacareacanga e Itaituba, são os que mais recebem o beneficio do Programa Bolsa Família. Novo Progresso, além de ser considerado a nova fronteira agrícola, também carrega a triste marca de ser o mais violento da região com elevadas taxas de mortalidade por homicídio, ao contrário de Aveiro e Ruropólis que são considerados na pesquisa como os municípios mais tranqüilos para se viver, com os menores índices de violência.

MAMÓGRAFO ABANDONADO NO CENTRO DE SAÚDE DA MULHER: Na sessão de terça-feira, 26, da Câmara Municipal de Itaituba, o vereador Dr. Diniz usou a tribuna da Casa para cobrar da administração municipal o conserto do mamógrafo do Centro de Saúde da Mulher, que está com problemas há bastante tempo.

Segundo Vereador, há mais de um ano o equipamento está com problemas e até a agora a secretária de saúde Cleoci Aguiar não providenciou o conserto. O mamógrafo é o equipamento que faz a mamografia, que é um exame de diagnóstico por imagem que tem como finalidade estudar o tecido mamário. Esse tipo de exame pode detectar um nódulo, mesmo que este ainda não seja palpável.

Nossa equipe de reportagem procurou a enfermeira responsável pelo Centro de Saúde, que confirmou o problema no mamógrafo, mas disse que as mulheres estão fazendo seus exames em uma clínica particular da cidade, exame esse pago que está sendo pago pelo Município. A enfermeira falou, também, que alguns técnicos já vieram tentar resolver o problema, mas não conseguiram.

Em sessão da Câmara do dia 24 de junho passado, o vereador Peninha teve requerimento de nº 421/2014, aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal de Itaituba, pedindo em caráter de urgência a recuperação do aparelho de mamografia, que funciona na Casa de Saúde da Mulher. O requerimento foi enviado para a prefeita Eliene Nunes e para a secretária de saúde Cleoci Aguiar. Segundo Peninha, este aparelho foi conseguido em 2009, no Governo do então prefeito Roselito Soares. Entretanto, esse aparelho continua jogado na sala que realiza exame na Casa de Saúde da Mulher.

Fonte: RG 15/O Impacto e Nazareno Santos, com informações de Luiz Sadeck

2 comentários em “Vergonha: Pesquisa aponta Itaituba com 12% de analfabetos

  • 1 de setembro de 2014 em 10:30
    Permalink

    Prezada Silvia;
    Todos os adjetivos que voce atribuiu a Sra. Prefeita de Itaituba, talvez procedam tendo em vista os noticiários que ultimamente a mesma vem protagonizando. Lamentável, no entanto, nem tudo está perdido, o povo é mais forte quando organizado e informado. A informação é tudo, é a arma mais poderosa do cidadão. Enquanto o povo permitir, seja por passividade ou ignorância, esse tipo de situação vai existir. A escola tem um papel fundamental nesse processo, para isso os professores precisam estar preparados, isso sem duvida é uma outra questão……

    Resposta
  • 29 de agosto de 2014 em 07:51
    Permalink

    Analfabeta, irresponsável, lunática, imbecil, são adjetivos que descrevem muito bem a Prefeita de Itaituba. Só a mão de Deus, povo de Itaituba, poderá lhes tirar das mãos desses Governantes patifes que hoje \”administram\” esses Município. Pensem nisso.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *