Após dias de incêndios, governo afirma que fogo na região de Alter do Chão foi extinto

A Área de Proteção Ambiental de Alter do Chão foi sobrevoada pelo corpo de bombeiros, que considerou extinto os principais focos de incêndio em Santarém. De acordo com o governo do Pará, o Grupamento Aéreo do Pará (Graesp) ajudou no resfriamento dos pontos na região que estavam muito aquecidos.

 “A gente pode dizer que a operação foi concluída. Todos os focos foram extintos, tanto em Alter do Chão quanto em Pindobal, área da Capadócia e Pontas de Pedra”, afirma o tenente coronel Ney Tito Azevedo, comandante do 4° grupamento do Corpo de Bombeiros.

Segundo a Governo do Estado, o último grande foco de incêndio foi apagado na manhã desta terça-feira, dia 17. De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), 410 hectares foram queimados dentro da APA Alter do Chão, entre o dia 1 e 15 de setembro. As áreas mais atingidas são as de Sanava, com vegetação que nessa época do ano fica mais seca, o que, por consequência, pode facilitar a propagação das chamas.

Com os principais pontos de incêndio apagados, a operação volta-se para a vigilância e monitoramento das áreas queimadas, para evitar que o fogo aconteça de forma natural.

RG 15/O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *