Após deixar Secretaria de Tributos, Peninha retorna e reforçará atuação na Câmara de Vereadores de Itaituba

O Vereador licenciado Luiz Fernando Sadeck dos Santos (Peninha), do MDB, pediu exoneração do cargo de Secretário Municipal de Arrecadação e Tributos do Município de Itaituba, no oeste do Pará, e deverá voltar à Câmara Municipal de Itaituba.

Peninha assumiu a Secretaria de Arrecadação e Tributos, a pedido do prefeito Valimir Climaco, em abril de 2019, onde realizou um excelente trabalho, aumentando a arrecadação municipal. Peninha já protocolou seu retorno à Câmara Municipal de Itaituba. Manoel Diniz, que havia assumido a cadeira de Peninha na Câmara, deverá voltar à primeira suplência.

No lugar de Peninha, na Secretaria de Arrecadação e Tributos do Município de Itaituba, assumiu Marcos Vicente de Rocha Yanes, de 40 anos, administrador de empresas e é servidor do quadro efetivo do Município (fiscal). A posse aconteceu na manhã desta quarta-feira, dia 01 de abril.

FIQUE POR DENTRO: Luiz Fernando Sadeck dos Santos, o popular vereador PENINHA, nasceu em Belém e foi criado em Santarém, onde trabalhou por vários anos na Rádio Clube e Rádio Rural. Também trabalhou como repórter no Jornal de Santarém e foi correspondente dos jornais A Província do Pará e fez várias reportagens para o jornal O Liberal. Em 1978 veio para Itaituba, onde fez várias reportagens sobre a região, destacando principalmente a região garimpeira. Esta coletânea de reportagem lhe rendeu a publicação de um livro denominado “OURO E SANGUE”, que retrata as histórias dos garimpos do Pará, Mato Grosso e Amazonas.

Em 1988, ingressou na vida política, incentivado pelo então deputado estadual Nicias Ribeiro, e se candidatou pela primeira vez Vereador. Foi reeleito em 1992, quando também foi eleito presidente da Câmara de Vereadores de Itaituba. Novamente em 1996 se candidatou e ganhou. Se reelegeu em 2000, 2004, 2008, 2012. Em 2016, se candidatou e foi o segundo Vereador mais votado de Itaituba. É o único Vereador com mandato no Brasil, que foi eleito oito vezes consecutivos.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *