Artigo – EUA expulsará Huawei do mercado 5G brasileiro

Por Oswaldo Bezerra

O 5G já está se tornando realidade em vários países. No Brasil vai demorar o que é uma contradição brasileira, já que estamos falando de velocidade. A próxima geração de internet móvel faz com que tudo aconteça muito, mas muito rápido mesmo. Quando você clica em algum link na internet a interação durarão 45 milissegundos. No 5G a interação cairá para somente 1 milissegundo.

Não é só para o jogador de games online que isso vai fazer diferença. Tem muito mais por aí. A revolução que o 5G trará dará início a internet das coisas. Haverá o surgimento da interconexão digital de diversos aparelhos. Tudo que existe em sua casa poderá se conectar de uma maneira nunca vista.

Nos campos, na indústria o 5G causará mudanças que ainda não temos nem condições de medir. Haverá carros autônomos, aeronaves autônomas, e o fenômeno de mudança crescerá em aplicações com o uso da inteligência artificial.

A implantação do sistema envolverá muito desafio técnico. O que se sabe é que colocar o sistema em funcionalidade é muito caro. Na China, que está na vanguarda do sistema, as três operadoras de telefonia, as três maiores do mundo, precisaram se unir para formar um consórcio. Daí se tira a dificuldade que terá o Brasil.

Em setembro, do ano passado, o presidente Jair Bolsonaro assinou o regulamento das antenas. Já há no Brasil pelo menos quatro mil pedidos para instalação das antenas que suportarão o 5G. Essa Lei prevê o “silêncio positivo”. A autorização das antenas depende dos municípios. Com a nova Lei, a operadora solicitará instalação de uma nova antena. Caso o município não se manifeste, dentro de 60 dias, antena poderá ser instalada.

A Lei favorece também as operadoras com o direito de passagem. É o direito de passar os cabos por dutos subterrâneos sem pagar nada pelo ato. Municípios e concessionárias de rodovias queriam cobrar taxas que, com esta Lei, não poderão mais. Foi um presente para as operadoras que prometem retribuir ao interesse público com menos custos.

Espera-se que no Brasil haja tanto dificuldades políticas como técnicas para que a quinta geração de internet se estabeleça. A faixa de frequência do 5G vai interferir no sinal de TV aberta. A solução será instalação de filtros nos receptores de TV, ou mudança de banda da TV, esta última muito cara na casa do bilhão.

Só em 2021 o Brasil deverá realizar o leilão que definirá quem implantará a tecnologia 5G. O vice-presidente Mourão afirmou que achava difícil a empresa chinesa não participar. O problema é que o Brasil está sendo pressionado a deixar a Huawei de fora. O embaixador norte-americano disse que o Brasil não sofreria sansões, caso permitisse que a Huawei no leilão, mas sofreria consequências. Informe este que soa muito como uma ameaça.

Hoje, Washington deu mais um passo em sua ofensiva contra a Huawei. Ofereceu dinheiro ao governo brasileiro para que a companhia telefônica chinesa fosse banida da rede 5G. Funcionários do Export-Import Bank dos Estados Unidos – EXIM, e o Governo assinaram um memorando de entendimento com o Governo do Brasil para “identificar potenciais oportunidades” de financiamento de até 1 bilhão de dólares.

Os setores, que poderiam receber o financiamento, incluem claro, energia e “especialmente a área de telecomunicações com as importantes redes 5G, segundo nota do assessor de segurança nacional dos Estados Unidos, Robert O’Brien.

O dinheiro estará disponível para o Brasil comprar equipamentos de telecomunicações mas só de concorrentes da Huawei. Pois, os EUA afirmam preocupação com espionagem chinesa no Brasil. Nosso país é uma das principais economias da América Latina, e a perda de um mercado tão lucrativo será golpe para a Huawei. Também será para nossa população, pois terá que pagar um preço muito mais caro, por usar os serviços de empresas norte-americanas.

RG 15 / O Impacto

4 comentários em “Artigo – EUA expulsará Huawei do mercado 5G brasileiro

  • 22 de outubro de 2020 em 16:41
    Permalink

    É óbvio que os dirigentes chineses, que não deixarão seu povo ter acesso ao 5G, querem implantar no resto do mundo um sistema muito eficiente de espionagem e coleta de dados; felizmente o governo brasileiro já abriu os olhos e não permitirá que os comunistas tenham essa chance, simples !

    Resposta
    • 22 de outubro de 2020 em 19:32
      Permalink

      O crack destruiu seu cérebro.

      Resposta
  • 22 de outubro de 2020 em 10:52
    Permalink

    Infelizmente o Brasil tem um presidente imbecil e Bundão.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *